Blog do Filipe Mota - Notícias de última hora

Com nome envolvido em escândalo, falastrão Sérgio Frota silenciou

Como o deputado Sérgio Frota não atende mais ligações, após ter aparecido em grampo. Uma fonte nos informou que ele só vai se pronunciar após sua assessoria jurídica obter o conhecimento dos autos e preparar a “defesa”

Acostumado a meter a mão na cara de torcedor e membros da imprensa, estrebuchar na Assembleia Legislativa, esculhambar nas rádios, o falastrão deputado Sérgio Frota (PR), teve seu nome envolvido num escândalo de futebol da Paraíba e que um grampo da Polícia Civil e do GAECO-PB, em uma ligação telefônica com o operador do esquema, o vice-presidente do Botafogo-PB, Breno Morais – Frota resolveu ficar em silêncio.

Além de denúncias na Paraíba, Blogs e a imprensa em geral estão dando grande repercussão ao caso, e mesmo assim, o deputado não fala nada, não lança uma Nota para informar a imprensa e consequentemente, a sociedade maranhense, bem como, os desportistas maranhnense.

Mas o deputado permanece calado – fonte do Blog nos informou que ele só vai falar após sua assessoria jurídica obter o total conhecimento dos autos e preparar a defesa.

Curta e Compartilhe nas Redes Sociais

Governo Criminoso! Escândalo com nomeações de capelãs é mais um crime no governo Flávio Dino

Assista ao vídeo em que o próprio governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), confessa a nomeação de pastores para cargos de coronel, sem concurso, em troca de apoio na campanha

O governo Flávio Dino se transformou num governo criminoso sem precedentes e sem princípios. Os crimes vão desde desvios de dinheiro da saúde pública, até a nomeação de coronel da Polícia Militar do Maranhão, sem concurso público.

Por isso, diversos partidos políticos e associações de classes de membros da segurança pública no Maranhão, protestam contra os crimes praticados pela gestão comunista.

A reportagem especial, realizada pelo jornalista Alex Barbosa, mostra um vídeo em que o governador do Maranhão confessa as nomeações do capelães e a forma política como vem sendo feita.

FLÁVIO DINO: “Quero saudar muito especialmente aqueles que me acompanham nesse importante evento; cumprimentar o Gildenemi, que tá ali, meu amigo, fez a minha campanha de 2014 doente, muito grave; nossa amiga Eliziane pediu e ele chegou pálido, magrinho. Eu disse; ‘esse homem não vai dar conta de fazer campanha, mas a fé é realmente poderosa; ele deu conta de fazer a campanha e hoje ele tá aí corado e forte, pronto para outra campanha”, (PRONTO PARA OUTRA CAMPANHA), numa evidente confissão de crime eleitoral.

Em outro trecho do vídeo que o Partido Repulicano Progressista – PRP, encaminhou à Justiça Eleitoral, o governador do Maranhão revela outro absurdo, que foi criar novas vagas de capelães, sob a orientação de políticos ligados à Assembleia de Deus.

FLÁVIO DINO: “Quando eu cheguei ao governo, os capelães eram apenas 14; hoje são 50. E nós vamos criar, anuncio aqui em primeira mão, mais 10 vagas. O pastor Porto está cuidando disso. Porque eu criei as vagas dos Bombeiros, criamos da penitenciária, mas faltou o da Polícia Civil”. Se não tivesse sido filmado, os comunistas diriam que isso era mentira. .

Pelo menos esta promessa o governador Flávio Dino cumpriu à risca, CRIOU e NOMEOU mais de 5o (Cinquenta Capelães), sem concurso, para postos de oficiais que vão de tenente a coronel, sem nenhum curso preparatório, sem nada..

O governador Flávio Dino comete um GRAVE e EVIDENTE abuso de poder e compra de votos e o Ministério Público Eleitoral deu prazo até o dia 6 de maio, portanto daqui a três dias,  para que ele se explique sobre as graves acusações.

Curta e Compartilhe nas Redes Sociais

Futebol Camarada!!! Roubalheira com o dinheiro do futebol maranhense

Dinheiro da Lei de Incentivo ao Esporte é desviado a emissora de TV que faz propaganda aberta ao governador do Maranhão

O governo do Maranhão, comandado por Flávio Dino (PC do B), encontrou um jeito camarada de irrigar os cofres da TV Difusora com o dinheiro do contribuinte. Ontem (13), a imprensa alinhada ao Palácio dos Leões divulgou que o governo comunista iria entregar R$ 1,5 milhão aos clubes de futebol maranhense – MAIS UMA MENTIRA.

A bem da verdade, do montante, os clubes que disputam o Campeonato Maranhense de 2018, vão receber apenas a metade, ou seja, R$ 750 mil.

O Sampaio Corrêa e o Moto Club de São Luís, vão dividir quase a metade do valor destinado aos clubes, seria algo em torno de R$ 150 mil à Bolívia Querida e R$ 120 mil ao Papão do Norte.

TV Difusora

Arrendada ao deputado federal Weverton Rocha (PDT), e candidato declarado  do governo do estado e do próprio governador Flávio Dino, a emissora vem recebendo recursos e mais recursos da Lei de Incentivo ao Esporte, numa clara e evidente lavagem de dinheiro público mascarada em “transmissão de jogos”. Até o momento, a emissora transmitiu apenas dois jogos, ambos da cidade de Imperatriz e vai levar a metade do dinheiro que seria para patrocinar o Campeonato Maranhense, ela vai faturar cerca de R$ 700 mil.

CPI da Lei de Incentivo (Esporte e Cultura)

O deputado Wellington diz que a população tem o direito em acompanhar os gastos públicos

O deputado estadual Wellington do Curso, em conversa com o titular do Blog, informou que após as inúmeras denúncias deste periódico, vai solicitar com PEDIDO DE URGÊNCIA à mesa diretora da Assembleia Legislativa do Maranhão, numa CPI para investigar o destino dos recursos da Lei de Incentivo à Cultura e também a do Esporte.

Disse também que mesmo que seu pedido seja vetado pela Casa Legislativa, encaminhará denúncia formal ao Ministério Público e tantos outros órgãos competentes forem necessário.

Denúncia ao Procon 

Aliás, um grupo de torcedores motenses registraram uma queixa formal ao órgão, declarando que a transmissão da partida entre Moto Club x Maranhão, que será transmitida pela TV Difusora, além de ser prejudicial ao torcedor, o próprio clube será prejudicado.

Em tempo: pela Lei de Incentivo, o governo do estado abre mão de receber impostos de empresas (Remissão Fiscal), dinheiro este que deveria ser investido em Saúde, Educação e benefícios aos maranhenses.

E mais: o cúmulo do absurdo mesmo é uma Rede de TV, desenhar o projeto ao governo do estado e decidir quanto que cada clube merece, isso não tem outro nome a não ser desvio de dinheiro público.

Curta e Compartilhe nas Redes Sociais

Ministério Público Eleitoral deve notificar Weverton Rocha por espalhar outdoor’s

Outdoors do deputado federal Weverton Rocha (PDT), em várias cidades do Maranhão deverão que ser retirados por recomendação do Ministério Público Eleitoral (MPE)

A prática não é permitida por configurar propaganda política extemporânea (fora de época), uma vez que o parlamentar afirma que é pré-candidato ao Senado Federal em 2018. Os outdoors foram instalados em locais estratégicos de São Luís, São José de Ribamar e Paço do Lumiar.

O Blog foi informado que o Ministério Público Estadual já tomou providências, comunicando o procurador eleitoral, Pedro Henrique Oliveira Castelo Branco, para que ele, enquanto representante do Ministério Público Eleitoral, determine a notificação dos responsável pelas peças publicitárias para que sejam retiradas das vias públicas onde foram instaladas.

É público e notório que o uso dos outdoor’s tem objetivo claro em  favorecer o pré-candidato ao Senado em 2018, além de que também fica evidenciado o conhecimento e consentimento do pré-candidato para a propaganda extemporânea.

O pré-candidato ainda “veiculou em sua página do Facebook, fotografia da referida publicidade em outdoor”, evidenciando uma ação coordenada de propaganda eleitoral antecipada.

Curta e Compartilhe nas Redes Sociais

Vídeo: Escola Digna do governo Flávio Dino é alvo de denúncia no Bom Dia Brasil

Bom Dia Brasil!!! Escola digna do governo Flávio Dino (PC do B), não chegou a Bela Vista do Maranhão. Ministério Público Federal investiga desvios de recursos na gestão do prefeito Urias de Oliveira, que é do mesmo partido do governador

 

Curta e Compartilhe nas Redes Sociais

Denúncia do Blog é capa de O Estado, de hoje, sexta-feira (13)

Governo Flávio Dino já pagou R$ 720 mil por aluguel de imóvel fechado na Rua das Cajazeiras, contrato é de 5 anos

O governo Flávio Dino (PCdoB) pagou, desde outubro de 2015, R$ 720 mil pelo aluguel de um imóvel em que só passou a funcionar há uma semana a nova sede da Delegacia do Adolescente Infrator (DAI). O prédio fica na Rua das Cajazeiras, nº 190, no centro de São Luís.

O contrato de locação foi assinado com a L.D.A Comércio de Gêneros Alimentícios Ltda, no início do mês de agosto de 2015, pela presidente da Fundação da Criança e do Adolescente (Funac), Elisângela Cardoso. Mas houve uma retificação no fim daquele mesmo mês, por incorreção quanto à vigência: passou de 12 para 60 meses

O valor global era de R$ 540 mil – referente a 12 parcelas de aluguel mensal de R$ 45 mil. Mas, segundo dados do Portal da Transparência do Governo do Estado, já foram pagas, até o dia 26 de dezembro de 2016, 16 parcelas de igual valor.

A nova sede da DAI funciona ainda em obras. Na fachada uma placa indica que a adequação do prédio começou, no máximo, há 45 dias e custou mais R$ 151,3 mil.

A obra, nesse caso, ficou a cargo da Secretaria de Estado da Infraestrutura (Sinfra), cujo titular, Clayton Noleto (PCdoB), não respondeu a O Estado a data exata de início da reforma.

Em nota, a Funac diz que o imóvel foi locado para abrigar não apenas a DAI, mas o Centro Integrado de Justiça Juvenil (CIJJUV), que “integra os órgãos Funac, Delegacia do Adolescente Infrator, Promotoria de Justiça Especializada, 2ª Vara da Infância e Juventude e Defensoria Pública do Maranhão”.

Afirma, ainda, que em março de 2016 – sete meses após o início do contrato, que já vinha sendo pago – iniciaram-se “as adequações internas de seus espaços”. E garante que em setembro de 2016 já estava em funcionamento no imóvel a Delegacia do Adolescente Infrator, informação que foi negada por um escrivão da Polícia Civil de plantão na tarde de ontem. A O Estado ele informou que a DAI só começou a funcionar nas Cajazeiras há uma semana.

IGUAL

O pagamento de aluguel antecipado por parte do Governo do Maranhão para o proprietário do imóvel onde funciona a delegacia nas Cajazeiras, apesar de mais prejudicial ao erário, é igual ao do prédio onde a Funac instalou um anexo do Centro de Juventude Canaã, na Aurora.

O Executivo também pagava desde 2015 pela locação da casa de propriedade do comunista Jean Carlos Oliveira – que é também funcionário da Empresa Maranhense de Administração Portuária (Emap) –, mesmo a unidade só tendo sido instalada há uma semana.

Para o aliado, foram transferidos mensalmente R$ 9,5 mil desde agosto de 2015. A justificativa do governo é que, na Aurora, as obras de adequação já haviam começado àquela época, mas acabaram sendo paralisadas por pressão dos moradores, que negam a existência de qualquer serviço no local até o fim do mês passado.

MAIS

Um erro na publicação do contrato entre a Funac e a L.D.A Comércio de Gêneros Alimentícios Ltda dificulta a identificação dos pagamentos feitos pelo governo pelo aluguel do prédio onde foi instalada há uma semana a Delegacia do Adolescente Infrator (DAI), na Rua das Cajazeiras. No Diário Oficial, o locado é identificado como Ltda Comércio de Gêneros Alimentícios Ltda.

Com informações de O Estado. Edição de hoje, Sexta-feira (13)

Curta e Compartilhe nas Redes Sociais

Blog do Filipe Mota is Stephen Fry proof thanks to caching by WP Super Cache