Blog do Filipe Mota - Notícias de última hora

Em reunião na Secult, escolas de samba batem o martelo e decidem não desfilar

Após reunião na Secretaria Municipal de Cultura – SECULT, agremiações ratificaram a decisão e assinaram acordo para não desfilar na Passarela do Samba este ano

Representantes das Escolas de Samba do Maranhão estiveram reunidos ontem (8), na Secretaria Municipal de Cultura de São Luís, e chegaram ao entendimento que devido as formas do regimento feito pela secretaria, as agremiações não tem a menor possiblidade de desfilar na Passarela do Samba, no Anél Viário de São Luís.

Montagem da Passarela do Samba será iniciada no próximo dia 12 (Sexta-feira), e a programação continua com o impasse – é melhor que não se gaste dinheiro para uma montagem de passarela que não será utilizada.

Segundo o presidente da escola de samba ‘Favela’, João Moraes, já se despedindo e esperando que o carnaval de passarela seja discutido o ano todo, e já falando em 2019.

“É com enorme pesar, e muita dor no coração, que anunciamos a impossibilidade da Realização do Desfile na Passarela do Samba, infelizmente implicações legais, sobretudo na mudança na forma de repasses, nos inviabiliza, em razão do curto prazo que dispomos até o carnaval, de fazermos o grandioso espetáculo que a favela do Samba sempre protagoniza na Passarela do Samba, temos que discutir o Carnaval o ano todo, esperamos que para 2019 nossas reivindicações de melhoria para o investimento nessa magnífica festa, sejam aceitas”, disse.

O presidente da Favela ainda falou em mudanças no modelo atual, valorização e moralização.

“Precisamos mudar esse modelo, esse é o momento! Vamos para a rua levar o espetáculo da Favela do Samba, conhecido e aplaudido por todos! Nossa luta é pela valorização e pela moralização”, finalizou João Moraes.

Segue abaixo, Ata de Reunião entre os membros do poder público e agremiações. 

Agora é oficial!!! LIESMA desiste do desfile de carnaval deste ano

A LIESMA informou ao prefeito Edivaldo Holanda Júnior, que a forma como foi imposta as regras do Carnaval de Passarela, suas filiadas estão desistindo do de se apresentar

A Liga das Escolas de Samba do Maranhão – LIESMA, protocolou agora há pouco, ofício ao prefeito Edivaldo Holanda Júnior (PDT), informando a desistência do desfile na Passarela, devido as condições impostas pelo Edital de Credenciamento da SECULT, que modificou os repasses às suas filiadas.

 

Blog do Filipe Mota is Stephen Fry proof thanks to caching by WP Super Cache