Blog do Filipe Mota - Notícias de última hora

Fiscalização eletrônica começa a multar amanhã (10), de novembro

A partir de amanhã, sexta-feira (10), o Sistema de Fiscalização Eletrônica de São Luís estará funcionando pra valer

A fiscalização com os radares eletrônicos garantirá segurança a motoristas e pedestres, além de organizar o bagunçado trânsito de São Luís, além de garantir o controle do trânsito. A fiscalização passa a funcionar em definitivo após um mês em caráter experimental.

Além do controle da velocidade máxima permitida que são de 60 KM/h, vários pontos da cidade, irão multar o condutar que avançar o sinal vermelho em mais de 30 semáforos, dentre eles os trechos da Avenida Daniel de La Touche, nas imediações do Colégio Adventista, do Bambuzal e da Avenida Principal do Cohajap; da Avenida Colares Moreira, próximo ao Tropical Shopping e Loja da TAM; da Avenida Castelo Branco, nas imediações da Igreja do São Francisco e do Posto Hélio Viana.

Na avenida São Luís Rei de França, os equipamentos estão instalados entre a Caixa Econômica e a Extrafarma; na Carlos Cunha, próximo ao Fórum de Justiça; na Jerônimo de Albuquerque, nas proximidades da Forquilha, entre outros pontos da cidade, todos eles com fiscalização nos dois sentidos da via.

Fiscalização da Faixa Exclusiva (Linha Azul) 

A fiscalização eletrônica fará o monitoramento nos corredores exclusivos, pelos quais somente poderão trafegar ônibus, ambulâncias, táxis com passageiro e viaturas das polícias e da SMTT. A conversão pelos corredores exclusivos somente poderá ser feita por quem for realizar a conversão à direita. O uso indevido dessas faixas exclusivas incorre em Infração gravíssima.

A fiscalização também se estende aos ônibus, pois, se os veículos saírem da faixa exclusiva serão multados pela infração cometida. Os corredores exclusivos estão implantados nas avenidas Colares Moreira, Castelo Branco, Cajazeiras e Rio Branco.

Fique ligado! Dirija dentro da lei, do contrário, você receberá sua multa em casa!

Atenção imprudentes!!! Novos fotossensores terão tecnologia mais moderna

Até mesmo as faixas exclusivas para ônibus serão monitoradas; instalação dos equipamentos iniciou no dia (4), e estará completa em 30 dias

Os 30 novos fotossensores que começaram a ser instalados na capital maranhense terão uma tecnologia mais moderna. É o que garante a Secretaria Municipal de Trânsito e Transportes (SMTT), que será responsável pela manutenção dos equipamentos. De acordo com a pasta municipal, até mesmo as faixas preferenciais dos ônibus fixadas em vias como a Avenida Colares Moreira, por exemplo, serão monitoradas.

Ainda segundo a pasta, o objetivo da inclusão dos equipamentos nessas faixas é verificar o cumprimento das leis de trânsito, em especial, o uso dos chamados “retornos de quadra”. De acordo com a SMTT, em alguns pontos, os motoristas infringem as regras de conduta e realizam retornos em locais irregulares.

Além de verificar possíveis infrações dos condutores, os novos fotossensores deverão ser mais resistentes às ações de corrosão, especialmente em uma cidade como São Luís, com forte influência das correntes marítimas. As câmeras, de acordo com o secretário titular da SMTT, Canindé Barros, serão interligadas a uma central de monitoramento elaborada especialmente para verificar as imagens produzidas pelas câmeras. “Vamos ter aqui na Secretaria Municipal de Trânsito e Transporte uma Central de Controle de Operações que vai permitir o monitoramento em tempo real dos principais corredores de transportes”, frisou o gestor.

Outro trecho que deverá contar com os equipamentos será a Forquilha (na antiga rotatória de acesso a bairros como o Maiobão e Planalto Anil), que sofreu recentemente a intervenção do poder público para modificação da trajetória. A preocupação é evitar que os motoristas desobedeçam ao avanço do sinal vermelho, uma das infrações mais comuns no trânsito de São Luís.

Relembre

Os novos equipamentos – cuja instalação elétrica está a cargo da empresa Sigvias Instalações e Construções Ltda – começaram a ser fixados na sexta-feira (4). A primeira via a receber os dispositivos foi a avenida Daniel de La Touche, no conjunto semafórico situado ao lado de uma escola particular e a poucos metros do Elevado da Cohama. De acordo com a SMTT, se trata de um dos trechos mais críticos e sujeitos a acidentes da cidade. Somente na avenida Daniel de La Touche, serão três fotossensores instalados. Além destas vias, outras deverão receber os equipamentos, como as avenidas Jerônimo de Albuquerque, dos Africanos e Guajajaras.

A pasta confirmou ainda que os motoristas somente estarão expostos ao pagamento de multas, em caso de infrações flagradas pelos novos fotossensores, em até 30 dias.

Os antigos equipamentos de controle de velocidade de veículos foram retirados em abril deste ano por iniciativa da Arco Sinal (então empresa gestora), que alegou à época falta de pagamento por parte do Município.

Após a retirada da Arco Sinal, o Município (por meio da Central de Licitações) abriu certame para a seleção da nova empresa. Em junho deste ano, foi assinado o contrato entre a Prefeitura e o Consórcio LV.

Com informações de O Estado