Blog do Filipe Mota - Notícias de última hora

Ivaldo completa 1 ano à frente da Semapa e ‘Feirinha São Luís’ é um sucesso

Cultura, Gastronomia, Lazer, Turismo, Higiene, Segurança e Economia são os frutos colhidos pela Feirinha São Luís

A Feirinha São Luís, idealizada pelo secretário Ivaldo Rodrigues, cresceu e tomou proporções em vários sentidos, agrada moradores de São Luís, movimenta a economia, fomenta a agricultura familiar, capacita os produtores locais, promove a cultura e o turismo local, enfim, o projeto cresceu e precisa seguir neste rumo, com segurança, higiene, e infraestrutura local para atender a demanda de seus frequentadores.

A cidade passou a esperar todo domingo, a Feirinha que é do produtor, e resultado  de uma capacitação realizada pela Secretaria Municipal de Pesca, Agricultura e Abastecimento – Semapa, com os produtores locais da Zona Rural de São Luís.

Organização, visual e qualidade são alguns dos pontos fortes da feirinha. Foi a receita encontrada pelo vereador licenciado, Ivaldo Rodrigues (PDT), que completa 1 ano à frente da secretaria, para motivar os produtores e fazer a economia girar.

A feirinha é sem dúvidas, uma prova de que com boas propostas e vontade de fazer acontecer as coisas podem começar a dar certo, e que além da feirinha, outros bons projetos podem e devem serem desenvolvidos.

O projeto está está apenas no começo, tem pouco mais de 6 meses e deve avançar muito mais. A Feira do Produtor funciona aos domingos, das 7h às 14h, na Praça Benedito Leite – Centro Histórico de São Luís.

Raimundo Penha vistoria obras de drenagem no bairro Vila Isabel

O vereador Raimundo Penha (PDT) vistoriaram as obras da segunda etapa de urbanização da Rua Senador Pompeu, no bairro Vila Isabel
No local, a prefeitura de São Luís, atendendo pedido dos moradores e do próprio parlamentar, está executando trabalho de drenagem profunda de um canal que corta a via. Também serão realizados serviços de conclusão da urbanização da praça.
É importante destacar que o bairro já recebeu obras de pavimentação de todas as suas vias.
O benefício também foi solicitado pelos moradores e contou com o apoio de Raimundo Penha.
“É muito bom poder acompanhar estas obras, esperadas pelos moradores há mais de 40 anos. Só temos que agradecer o empenho do prefeito Edivaldo Holanda Júnior”, disse o vereador.
O presidente da Associação de Moradores, Michel Jackson, também fez questão de agradecer ao prefeito, ao secretário Antônio Araújo e Raimundo Penha.
“Trata-se de uma junção de forças. Comunidade, prefeitura e o vereador Penha unidos em favor de mais benefícios para a Vila Isabel”.

Vereador Raimundo Penha visita CAISI e garante apoio aos idosos

O CAISI é uma importante ferramenta de valorização e cuidado para com os nossos idosos

O vereador Raimundo Penha (PDT), visitou nesta quarta-feira (24), o Centro de Atenção Integral a Saúde do Idoso – CAISI, unidade especializada mantida pela Prefeitura de São Luís e que fica localizada no bairro do Filipinho. Ele estava acompanhado dos secretários municipais Lula Fylho (Saúde) e Andréia Lauande (Assistência Social).

O parlamentar conheceu o funcionamento do CAISI e ratificou apoio no sentido de continuar promovendo ações direcionadas ao público da Melhor Idade.

Raimundo Penha, antes mesmo de eleger-se vereador, sempre tratou as políticas públicas de benefício à terceira idade como prioridade na sua agenda de homem público. Quando exerceu o cargo de secretário municipal de Desporto e Lazer da capital, por exemplo, implantou o projeto “São Luís Saudável”, iniciativa que oferece atividades esportivas gratuitas para os idosos moradores de diversos bairros.

Na Câmara Municipal de São Luís, desde o ano passado, mantém apoio a várias outras ações neste segmento, como é o caso do projeto “Superação”, que oferece, também de forma gratuita, atividades diversas nos bairros, tais como aulas de zumba, treinamento funcional e recreação.
Atualmente, o “Superação” está funcionando plenamente na Liberdade, Alemanha, Coroadinho, Cohab, Rio Anil, Bequimão e São Bernando; e a expectativa é de que, em breve, seja levado para outras localidades.

“O CAISI é uma importante ferramenta de valorização e cuidado para com os nossos idosos. Os secretários Lula e Andréia, além do prefeito Edivaldo, estão de parabéns”, disse o vereador.

Atualmente, cerca de 17 mil idosos são cadastrados no Centro de Atenção Integral à Saúde do Idoso. No local, são oferecido serviços especializados nas áreas de geriatria, educação física, fonoaudiologia, nutrição, psicologia, terapia ocupacional, fisioterapia, serviço social.

Os idosos contam, ainda, com a assistência prestada através de grupos de convivência sobre saúde do homem e estímulo à memória, além de atividades como artes manuais, pilates, coral, dança e terapia familiar.

Lei de autoria do vereador Raimundo Penha garante contratação de Bombeiros Civis

Lei 6.229/2017, aprovada pela Câmara Municipal de São Luís, de autoria do vereador Raimundo Penha, torna obrigatório a contratação de bombeiros civis pelos estabelecimentos comerciais

O Prefeito Edivaldo Holanda Júnior (PDT), sancionou a Lei 6.229/2017, aprovada pela Câmara Municipal de São Luís, que é de autoria do vereador Raimundo Penha, tornando obrigatório a contratação de bombeiros civis pelos estabelecimentos públicos e privados, comerciais, hospitalares, campi universitários, escolas, creches, etc, na capital maranhense.

A partir de agora, com a lei, os bombeiros civis terão que identificar e avaliar riscos nos locais de aglomeração pública, inspecionar, periodicamente, os equipamentos de combate a incêndio, aplicando testes de manutenção básica em mangueiras e acessórios de alarmes, motores, bombas e instrumentos similares, entre outras diversas funções.

A medida trará mais segurança e comodidade para a população ludovicense que frenquenta diariamente estes espaços públicos. 

Bombeiro civil agora é obrigatório, com a nova Lei

Sabia que, além de apagar incêndios, o bombeiro civil é responsável por inúmeras outras atividades? E esse leque de funções acabou de aumentar ainda um pouco mais, com a entrada em vigor com esta nova lei no município de São Luís que obriga empresas e, na verdade, quaisquer recintos que recebam fluxo grnade de pessoas a terem um bombeiro civil. Você está por dentro dessa legislação? Ficou curioso para saber mais? Então confira agora mesmo as informações abaixo.

As funções do bombeiro civil

A obrigação maior desse profissional é proteger as pessoas e seus patrimônios de riscos que envolvam incêndios e vazamentos, inspecionando e testando equipamentos de segurança. Faz também salvamentos terrestres, aquáticos e em lugares altos, prestando primeiros socorros sempre que necessário. Além de tudo isso, o bombeiro civil ainda treina equipes e brigadas em situações de emergência.

O curso de formação do bombeiro civil

Para exercer a função de bombeiro civil, a pessoa deve fazer um curso específico, que engloba:

  1. Legislação, normas brasileiras e normas regulamentadoras;
  2. Aulas teóricas e práticas de prevenção e combate a incêndios, bem como de primeiros socorros;
  3. Aula com desfibrilador e administração de oxigênio;
  4. Balizamento de helicóptero;
  5. Treinamento prático de combatentes;
  6. Treinamento de sobrevivência em selva e montanha;
  7. Treinamento em rapel, busca e resgate.

As diferenças entre civil e militar

Nem todo mundo entende bem as diferenças entre um bombeiro civil e um bombeiro militar, mas ter essa noção é, sim, importante, veja a seguir:

Bombeiro civil

  1. Integra uma instituição particular, não governamental, não podendo realizar atividades de caráter público ou utilizar uniforme similar ao do bombeiro militar;
  2. Presta serviços a empresas privadas, como shoppings, boates, restaurantes e outros;
  3. É conhecido também como brigadista particular;
  4. Exerce serviço em eventos específicos e áreas delimitadas.

Bombeiro militar

  1. Integra uma organização estatal, dentro da estrutura da Secretaria de Segurança Pública;
  2. É uma força auxiliar do exército;
  3. Tem sua admissão à corporação por meio de concurso público.

O famoso caso da boate Kiss

O incêdio na Boate Kiss em Santa Maria (RS), abalou todo o país e certamente levou muitos estados e municípios a adotarem medidas preventivas mais rígidas no que se refere a estabelecimentos de maior porte. O lamentável evento, ocorrido em 2013, matou 242 pessoas e deixou 680 feridas, tendo acontecido pelo acendimento de um sinalizador dentro do estabelecimento. Foi um caso de imprudência e más condições de segurança que serviu para mudar muitas leis pelo país afora.

As regulamentações cabíveis

A Lei Federal de número 11.901, de 2009, disciplina a profissão de bombeiro civil no Brasil, especificando suas características. E há ainda uma norma regulamentadora – ABNT NBR 14608, de 2007 – que determina que um condomínio a partir de dez mil metros quadrados com elevado risco de incêndio deve ter, no mínimo, um bombeiro civil em atividade. Esse número pode aumentar quando outros parâmetros são considerados. A mesma norma determina que uma indústria ou um estabelecimento que armazene produtos químicos com os mesmos dez mil metros quadrados devem ter, de início, quatro bombeiros civis por turno.

Câmara Municipal de São Luís lamenta morte do deputado Humberto Coutinho

O Presidente da Câmara Municipal de São Luís, vereador Astro de Ogum, emitiu Nota de Falecimento do deputado estadual Humberto Coutinho

O Presidente da Câmara Municipal de São Luís, vereador Astro de Ogum, emitiu Nota de Falecimento do deputado estadual Humberto Coutinho. Ele se solidariza com a família neste momento de dor e comoção e lamentando o falecimento do político, ocorrido hoje (31).

Segue a nota da Câmara Municipal de São Luís

A Mesa Diretora do Poder Legislativo Ludovicense, representada por seu presidente, o vereador Astro de Ogum, externa sua consternação pelo falecimento do deputado estadual Humberto Coutinho, que tomou assento no parlamento maranhense por cinco legislaturas. Aproveita para se solidarizar com seus familiares e amigos.

Astro de Ogum

Presidente da Câmara Municipal de São Luís

São Luís, 31 de dezembro de 2017.

Líder político

Bastante comovido com a notícia do falecimento, o vereador Astro falou da importância da liderança política de Coutinho para o Maranhão. Lembrou ainda a sua formação profissional, um médico a serviço da sociedade, exercendo a medicina, pelo INSS de Caxias, na Casa de Saúde de Maternidade de Caxias, hospital que criou, junto com sua esposa, Cleide Coutinho.

Humberto ingressou-se na política, em 1988, pelo PFL, ao ser eleito vereador de Caxias. Em 1990, foi eleito deputado estadual.

Em 1992 e 2000, candidatou-se duas vezes a prefeito de Caxias, não sendo eleito.

Em 1994, foi reeleito deputado estadual.

Em 2002, foi reeleito deputado estadual.

Em 2004, foi eleito prefeito de Caxias.

Em 2008, foi reeleito prefeito de Caxias.

Em 2014, foi eleito deputado estadual, sendo o mais votado.

A solidariedade de Astro de Ogum ecoa nos quatro cantos da Ilha do Maranhão

“A solidariedade é, sem sombra de dúvidas, a forma maior de alguém expressar o seu amor”

Quando o Natal se aproxima, o espírito solidário costuma se revigorar. A data sensibiliza algumas pessoas criando um cenário que deveria existir durante o ano inteiro. Para o vereador Astro de Ogum este espírito natalino ocorre de janeiro a janeio, e quem precisa de sua mão amiga, pode atestar o que este Blog afirma.

O Natal solidário realizado no Parque Folclórico da Vila Palmeira, serviu apenas para mostrar a grandeza social e humana do vereador. Não se trata aqui de aproveitamento político, trata-se de estar presente nas comunidades durante todo o ano. Desde a luta pela pavimentação de ruas, reformas em escolas, creches, posto de saúde, associação de moradores, quadras esportivas, praças e áreas de vivências. A luta de Astro é diuturna em busca de melhorias nas comunidades de São Luís.

Milhares de brindes, brinquedos, bicicletas, fogões, televisores, geladeiras, e demais eletrodomésticos, gêneros alimentícios, frangos e até uma motocicleta foi entregue durante o Natal sem fome realizado pelo vereador.

Ninguém saiu do Parque da Vila Palmeira com as mãos abanando, foram doados 5 mil frangos, 3 mil cestas básicas, 300 latas de leite ninho, 500 pacotes de biscoito cream-cracker, foi assim grandioso o evento que deu para contemplar famílias de todas as partes de São Luís.

Solidariedade é isso. Quando nos mobilizamos por causa de alguém ou várias pessoas, e por nós mesmos, é deste modo que assumimos nosso lugar na história de nossa comunidade e nosso papel para dias melhores.

Parabéns Astro, este gesto solidariedade resgata para nós a grandeza e a dignidade com que o criador nos fez, plenos de sentido existencial e imensamente ricos de possibilidades.

“A solidariedade é, sem sombra de dúvidas, a forma maior de alguém expressar o seu amor”.

O Show de solidariedade de Astro de Ogum

Grande evento solidário acontece amanhã (23), no Parque Folclórico da Vila Palmeira; Até motocicleta será sorteada aos participantes

O Natal sem Fome realizado pelo vereador Astro de Ogum, que acontece amanhã (23), a partir das 16 horas, será uma festa completa com muita solidariedade, shows, bandas locais, shows de calouros, entrega de 3.500 cestas básicas, brindes, sorteios de tv’s, geladeiras, fogões, bicicletas, brinquedos e até uma motocicleta será sorteada.

Talvez esta seja a maior realização pessoal de Astro, prestar solidariedade ao próximo, durante todo o ano ele realiza estas ações pontuais, mas, este natal solidário de amanhã promete ser o maior de todos os tempos.

A organização do evento, com entregas de senhas está sendo feita pela equipe que trabalha com o vereador, tudo para garantir um bom andamento da festa de solidariedade.

Amanhã, a programação será para todas as idades, dos menores aos da melhor idade, aos quais Astro presta um relevante serviço social nas comunidades que são assistidas por ele. Portanto, não perca a oportunidade e participe deste evento abençoado por Deus para garantir a solidariedade e apoio ao próximo.

“Que Deus conceda a todas nossas famílias muita Saúde, Paz e Prosperidade, na certeza que dias melhores virão, e que este ano assim como os outros, seja abençoado trazendo muita Luz e Esperança ao nosso povo”, palavras de Astro de Ogum, com exclusividade ao Blog, a quem falou sobre o Natal Solidário.

Sem noção, MPF atrapalha quem trabalha e não deixa prédio do centro histórico cair

Centro Histórico de São Luís, com seus ínúmeros bens tombados, estão deteriorados, vão cair em poucos anos, sem que o Ministério Público e demais autoridades tomem providências

Que as coisas são mais do que invertidas no Brasil, isto é público e notório, no Centro Histórico de São Luís, as coisas não são diferentes, prédios caindo aos pedaços, depredrados, abandonados, servindo de estacionamentos para veículos, além de, esconderijos para criminosos.

O presidente da Câmara Municipal de São Luís, vereador Astro de Ogum, acertadamente, temendo que o prédio onde abriga o legislativo municipal, caísse por cima de homens e mulheres que trabalham naquela Casa, resolveu fazer uma ampla reforma nas dependências, modernizar e ampliar, justamente para evitar que o pior viesse por acontecer.

Em tempo de grave crise política, financeira e institucional, Astro abriu mão de gastar cerca de R$ 10 milhões para construir uma nova sede ao Legislativo Ludovicense. Segundo ele esta gastança, além de desnecessária, seria uma afronta à sociedade.

Feito, isso o Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), que nada faz para mudar a triste realidade dos inúmeros prédios tombados daquela região fez a denúncia ao Ministério Público Federal, que o presidente da Câmara teria realizado a obra sem que o Projeto Arquitetônico fosse aprovado – agora saibam os senhores cidadãos que pagam a conta: os projetos de reformas aprovados aos moldes do IPHAN, saem mais caros do que a própria obra. Um absurdo sobre todas as óticas.

O Centro Histórico de São Luís, com seus inúmeros bens tombados, estão deteriorados, vão cair em poucos anos, sem que o Ministério Público e demais autoridades tomem providências.

Absurda acusação

De acordo com o MPF/MA, Astro, como presidente da Câmara de Vereadores, atuou de forma decisiva ao determinar a reforma nos moldes que foi realizada. Na condição de gestor, foi responsável direto pela aprovação das intervenções, que não se limitaram à manutenção da integridade física ou estrutural do imóvel, mas sim modificaram uma parcela significativa da fachada, o que prejudica a configuração do conjunto em razão do seu valor histórico e cultural.

E quem tenta resolver o problema é penalizado, francamente este é o Brasil que não tem como dar certo!!!

Em tempo: por quê o Ministério Público Federal não olha para os muitos outros prédios que estão depreciados e caindo aos pedaços ???

E mais: está mais do que na hora de haver uma modificação nesta Lei de tombamentos de prédios no Brasil.

Pra fechar: a lei que versa sobre os tombamentos do patrimônio histórico, artístico e cultural, é de 1937, no tempo da República dos Estados Unidos do Brasil.

Blog do Filipe Mota is Stephen Fry proof thanks to caching by WP Super Cache