Blog do Filipe Mota - Notícias de última hora

São Luís sem ônibus, sem bancos e tudo fechado amanhã

Greve Geral foi aderida pelo Sindicato dos Rodoviários, Bancários, servidores públicos e demais sindicatos 

Vários sindicatos e categorias de trabalhadores vão cruzar os braços amanhã, 28. Exemplo maior vem do Sindicato dos Rodoviários de São Luís que vão paralisar o sistema das 00:00 até as 16 horas. A confirmação veio do presidente do Sindicato dos Rodoviários, Isaías Castelo Branco, que a categoria aderiu ao movimento nacional.

Os usuários do transporte público que utilizam para o trabalho, escola e dentre outros, devem ficar atentos para evitar transtornos.

As centrais sindicais organizaram uma paralisação nacional em protesto às reformas trabalhista e da previdência e contra a lei da terceirização, em São Luís, o palco será na Praça Deodoro.

Em Nota, o Sindicato dos Bancários informa à população que a categoria dos trabalhadores aderiu à Greve Nacional, O SEEB-MA ressalta, por exemplo, que ameaçar cortar o ponto daqueles que aderirem ao movimento significa atentar contra o Direito de Greve. O artigo 9º, da Constituição Federal, é claro ao consagrar que “é assegurado o direito de greve, competindo aos trabalhadores decidir sobre a oportunidade de exercê-lo e sobre os interesses que devam por meio dele defender”.

Vale ressaltar, ainda, que os vigilantes maranhenses também aderiram à Greve Geral, o que impede a abertura das agências bancárias, nos termos da Lei Federal nº 7.102/83.

Logo, não caia na conversa dos banqueiros, grandes beneficiários das reformas do Governo Temer. Os patrões farão de tudo para intimidar os trabalhadores, mas não recuaremos na luta pela Previdência Pública e por nenhum direito a menos!

O SEEB-MA tranquiliza a categoria, informando que tomará as medidas judiciais cabíveis, caso os bancos afrontem o Direito de Greve, retaliando os bancários. Por isso, não ceda à pressão dos bancos. Dia 28 de abril, é dia de greve, é dia de parar o Brasil, contra a terceirização sem limites e contra as reformas da Previdência e Trabalhista! Bancário, participe! 

Outros serviços devem ser afetados em virtude da Greve Geral. Em São Luís, várias categorias já aderiram às manifestações. Ao longo de todo o dia de hoje (27), outros sindicatos e categorias realizarão assembleias ao para deliberar a participação.

Como a Reforma foi aprovada ontem (26), na Câmara dos deputados, tudo indica que esta paralisação nacional perdure além do dia 28.

 

Categoria: Filipe Mota
  • Bruna diz:

    Vamos lutar por nossos direitos e fazer um Brasil melhor.

  • Mislene diz:

    Eu concordo com a greve em partes, porque vai afetar as pessoas que ainda vão ter que trabalhara amanha. Como a maioria das pessoas que trabalham no setor privado.

  • Alina diz:

    Amanha a cidade vai ser um fuzuê.

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatório são marcados *

*