Blog do Filipe Mota - Notícias de última hora

Agora lascou!!! Governo Dino tira responsabilidade da SMTT em fiscalização de avenidas

Fiscalização e ocorrências de trânsito em avenidas de São Luís deixam de ser responsabilidade da secretaria de trânsito e transportes – SMTT

Além das rodovias estaduais na Região Metropolitana de São Luís, as avenidas Litorânea e Holandeses são agora de responsabilidade da Polícia Militar por meio da Companhia de Polícia Militar Rodoviária Independente (CPRv Ind.).

Fiscalização e ocorrências de acidentes de trânsito em avenidas de São Luís foram alterados por meio do governo do Maranhão e muita gente ainda desconhece.

Deficiência

A secetaria de segurança informou que a CPRV ind conta com apenas 228 homens para fiscalizar 130 rodovias em todo o Maranhão, o cálculo dá pouco mais de 1 policial por rodovia.

No total, a Companhia tem apenas 18 viaturas para efetivar a empreitada.

Ao que parece, esta é mais uma ação desastrada do governo Flávio Dino (PC do B), para tentar mostrar serviço à população.

Em tempo: Sem efetivo, eventuais acidentes que ocorrerem nas vias estaduais, demandarão de muita espera e paciência dos condutores.

E mais: Por se tratar de vias estaduais os serviços de perícias serão realizados pelo Instituto de Perícia Técnica – ICRIM, que também tem deficiências. 

Pra fechar: Será que a Secretaria Municipal de Trânsito e Transportes – SMTT, vai remover a sinalização que foi recentemente realizada nas duas vias ???

Temer sanciona projeto que libera verba para confecção de passaportes

Presidente liberou R$ 102 milhões para produção de documento. Suspensão foi no dia 27 de junho na Polícia Federal de todo o país

O presidente Michel Temer sancionou ontem (19), o projeto que autoriza um crédito extra de R$ 102,3 milhões para regularizar a emissão de passaportes.

A assinatura do presidente dependia de um parecer técnico do Ministério do Planejamento. O projeto foi aprovado na quinta-feira,13, na última sessão do Congresso antes do recesso parlamentar.

Com a sanção, governo espera que a impressão do documento, interrompida desde o dia 27 de junho, volte à normalidade amanhã (21). Após a publicação do texto no Diário Oficial da União, caberá ainda ao Ministério do Planejamento abrir o empenho dos recursos e autorizar o repasse ao Ministério da Justiça, que o destinará à Polícia Federal, órgão subordinado à pasta e responsável pela confecção de passaportes.

O ministro da Justiça, Torquato Jardim, afirmou ontem, durante uma palestra nos Estados Unidos, que a emissão do documento deve ser retomada ainda nesta semana. A previsão é de que a sanção presidencial seja publicada na edição de hoje no Diário Oficial da União.

“O dinheiro já está lá e esta semana a produção de passaportes deve ser retomada”, enfatizou Torquato, em Washington, onde participa de um evento da fundação Wilson Center.

A PF anunciou há quase um mês, às vésperas das férias escolares e em meio à relação tensa do governo Temer com o órgão, a suspensão das atividades. De acordo com cálculos da instituição, o atendimento para confecção do documento é de 11 mil a cada dia útil, em todo o país.

Ao suspender a emissão dos documentos, a PF informou que não haveria prazo para retomada das atividades. Com a autorização de crédito extra, o governo espera que o serviço volte a funcionar normalmente ainda esta semana.

Segundo a PF, os gastos com o serviço chegaram ao limite previsto na lei orçamentária.

Em tempo: O governo arrecadou, apenas no ano passado (2016), R$ 578 milhões com a emissão de passaportes. Boa parte desse recurso, porém, não foi empregada no serviço prestado pela Polícia Federal.

E mais: Para tirar o passaporte, o cidadão paga uma taxa de R$ 257,25. Esse valor vai para uma conta no Banco do Brasil e fica em um fundo, chamado Funapol, criado em 1997.

Pra fechar: O prazo normal de entrega do documento é de 6 (seis) dias úteis, mas a PF sempre alerta que somente cada posto escolhido para dar entrada no documento pode dar uma previsão exata da data.

 

Governo do Maranhão: O maior “cabide” de empregos comunistas do Brasil

Há poucos critérios para ter um bom emprego e ganhar 10 mil reais no Governo Flávio Dino

Ismael De Almeida Cardoso, como diz em sua rede social , “trabalhador do Partido Comunista do Brasil”

Há poucos critérios para ter um bom emprego e ganhar 10 mil reais no Governo Flávio Dino, o indivíduo só precisa ser filiado ao PC do B, não ser oriundo do Maranhão e ter tido uma boquinha no governo da presidente afastada, Dilma Roussef

Este é o caso do Secretário-Adjunto de Projeto Especiais da Secretaria de Educação do Estado – SEDUC, o jovem carioca Ismael de Almeida Cardoso ex presidente da UBES (2007-2009), ex-dirigente da UJS (entidade juvenil de base do PC do B) e membro do PC do B. 

O mais escandaloso de tudo é saber que o Governador Flávio Dino mal esperou o rapaz ser exonerado no Governo Federal, após o afastamento da então presidente Dilma e o nomeou aqui no Maranhão.

Mesmo sabendo que o índice de desemprego é altíssimo em nosso estado e com excelentes profissionais o comunista optou por trazer pessoas de fora do estado para ocupar cargos.

Em tempo: Este é mesmo o “Maranhão de todos nós” ??? 

E mais: Não seria melhor “Maranhão de todos nós, comunas” ???

Absurdo!!! Dino vai vetar CPI, Emenda Impositiva e Lei que proíbe apreensão de veículos

Governador mobiliza deputados aliados a barrar Emenda Impositiva, CPI da Saúde e Lei que proíbe apreensão de veículos com débito de IPVA

O governador Flávio Dino (PC do B), mobiliza a todo momento, seus deputados aliados para barrar 3 importantes pautas na Assembleia Legislativa do Maranhão.

Emenda Impositiva

Dino quer vetar o Projeto de Emenda à Constituição (PEC), de autoria do deputado César Pires (PEN), que trata da emenda impositiva no Maranhão, por meio dela, o governador será obrigado a liberar as emendas a todos os deputados, e não apenas para uma dúzia que reza o “Manifesto do Partido Comunista”.

Lei que proíbe apreender veículos em blitz

O governador vai vetar também, o Projeto de Lei 099/2017, do deputado Wellington do Curso (PP), que proíbe apreensão de veículos com débito do Imposto Sobre Propriedade de Veículos Automotores – IPVA, em todo o Maranhão. Em parceria com empresários, o governo vem apreendendo veículos e em seguida os leiloando, sem que o proprietário possa tentar recuperá-lo.

CPI da Saúde

Flávio Dino já ordenou também o veto a instalação da Comissão Parlamentar de Inquérito – CPI, para investigar gastos na Saúde. A CPI também foi proposta por Wellington do Curso, após a operação da Polícia Federal na saúde do governo Dino em que restou comprovado o desvio de R$ 18 milhões por empresas e institutos contratados na gestão dinista.

Como já é sabido por todos os maranhenses, o governador Flávio Dino, manda e desmanda nos deputados estaduais, prova disso foram o aumento do ICMS, que elevou o preço da Conta de Energia, Internet, Combustíveis, Telefonia e a Dimunição do mesmo ICMS ao Atacadão Mateus, que prejudicou vários comerciantes em todo o estado – tudo aprovado pelos deputados aliados e como ordenou o governador comunista.

Em tempo: algum maranhense tem dúvidas quanto ao veto destes importantes projetos ???

E mais: o governador manda em pelo menos 30, dos 42 votos dos deputados estaduais maranhenses. Por quê será ???? 

 

Luís Fernando repõe dignidade com título de posse aos moradores de Ribamar

“A posse dessas áreas é uma grande justiça social que alcança essas famílias que aguardam há anos o desfecho feliz de poder chamar de seu, o pedaço de chão”

A prefeitura de São José de Ribamar, por meio da Secretaria de Regularização Fundiária, em parceria com o Tribunal de Justiça do Maranhão, deu início nesta segunda-feira (17), ao ato de deflagração da regularização fundiária que compõe as localidades de São Brás e Macacos que compreende outras sete regiões.

O processo de regularização é aguardado pelos moradores há quase 20 anos e beneficiará milhares de famílias ribamarenses, foi iniciado pela juíza de direito da 2ª Vara Cível e corregedora do Cartório de Registro de Imóveis da Comarca de São José de Ribamar.

Para o prefeito Luís Fernando, a titulação significa uma correção histórica além de justiça social para as famílias. “A posse dessas áreas é uma grande justiça social que alcança essas famílias que aguardam há anos o desfecho feliz de poder chamar de seu, o pedaço de chão”, reiterou o prefeito.

O processo vai contar ainda com a participação da Universidade Estadual do Maranhão (UEMA), que ficará encarregada de elaborar os mapas e os memoriais descritivos.

Já a secretaria de regularização fundiária vai integrar a comissão para o andamento e desburocratização do processo para entrega definitiva dos títulos de propriedade.

 

Escândalo!!! Governador do Maranhão usa jatinho sem licitação

Empresa mantém contrato de aluguel de jatinhos com o governo do Maranhão desde 2015, sem qualquer licitação

A Heringer Táxi Aéreo, empresa que mantém contrato de aluguel de aeronaves com o Governo Flávio Dino (PC do B), já faturou mais de R$ 8,5 milhões sem licitação com o executivo maranhense.

A dinheirama paga pelo governo Dino foram feitos com dispensa de licitação – os contratos chegam aos milhões, e o dinheiro vem de duas pastas, Casa Civil e Saúde.

No total, o governo comunista já pagou 11 milhões à empresa locadora de jatinhos turbo hélices.

Em tempo: O Ministério Público do Maranhão está afônico, ou melhor, cego, surdo e doido.

E mais: O governador Flávio Dino condenava veementemente o uso de aeronaves pela gestão passada. Na dele, já triplicou o valor pago com jatinhos.

 

Instituto Jovens do Amanhã realiza ação social na Vila Maracujá

O Instituto Cultural Jovens do Amanhã realiza Ação Social na Vila Maracujá

O Instituto Cultural Jovens do Amanhã, realiza amanhã (15), mais uma importante Ação Social, desta vez a comunidade beneficiada será a Vila Maracujá, na zona rural de São Luís. Desta vez a ação será na Associação de Moradores da comunidade e vai oferecer gratuitamente diversos serviços médicos e jurídicos.

Haverá também a parte de recreação e lanches para a garotada da comunidade.

A ação social terá como tema: “Fazer o bem sem olhar a quem”, terá também palestras com Conselheiros Tutelares da Criança e Adolescência.

A ação terá início às 8:30 e se estenderá até as 13h.

Na programação, serão ofertados à população uma série de atendimentos, entre eles, consultas com especialistas de psicólogos, nutricionistas, aferição de pressão arterial e teste de diabetes, pesagem e medições.

De acordo com o organizador da Ação Social, disse que o instituto vem desenvolvendo ações em todo o estado, e o local vai de acordo com as demandas e as necessidades dos moradores. O instituto vai até às comunidades onde o poder público não chega e o objetivo é tentar suprir estas necessidades com esporte, educação, saúde e lazer.

“Tentamos chegar onde o poder público tem sido ausente, e nosso objetivo é alcançar as pessoas que realmente necessitam de ações como esta”, finalizou Paulo Ricardo, presidente do instituto.

Construção da Av. Guajajaras e o cruzamento da Forquilha, veja quanto custou nos governos Roseana e Dino

O Blog fez um levantamento dos valores em R$, da construção da Avenida Guajajaras e o cruzamento da Forquilha, nos governos Roseana e Flávio Dino

Guajajaras e Cruzamento da Forquilha, separados pelo tempo e pela grandeza

Em seus primeiros mandatos, Roseana e Flávio Dino imprimiram um ritmo de reformas em São Luís, obras que melhoraram a vida dos maranhenses, mas o contribuinte, que paga a conta, sabe quanto custaram a construção da avenida Guajajaras no governo Roseana e o cruzamento da Forquilha, no governo Dino????

Então vejamos: Construída em 1996, com uma extensão de 3,8 Km, a Avenida Guajajaras tem 3 rotatórias e custou R$ 8,4 milhões aos cofres públicos no governo Roseana.

Já o Cruzamento construído e inaugurado, na gestão Flávio Dino tem uma extensão de 15 mil metros quadrados, ou seja, 1,5 Km de extensão, e custou aos cofres públicos, R$ 8,5 milhões.

Levando-se em consideração os 20 anos que se distanciam uma obra da outra, elas são absurdamente desproporcionais em se tratando de envergadura do tempo e espaço da mobilidade urbana, a construção da Guajajaras e a construção do cruzamento da Forquilha, nos mostra que nestes 20 anos, não avançamos neste quesito, e que o cruzamento terá que em pouco tempo passar por novas modificações geométricas.

Em tempo: Obras que resultem em melhorias de mobilidade urbana, tem que necessariamente, ter durabilidade comprovada de pelo menos 20 anos. Isto é uma norma aprovada pelo Ministério das Cidades.

E mais: Em outras postagens elencaremos aqui mais duas obras realizadas nas gestões de Roseana e Flávio Dino, para que o contribuinte saiba o que se fez com o dinheiro público em obras que precisam durar, no mínimo 20 anos.

Pra fechar: Nos referimos à “durabilidade”, no sentido de fluidez do tráfego.

P.S: O Blog não entrou no mérito de conversão monetária do valor do Real em 1996 e 2017.