Blog do Filipe Mota - Notícias de última hora

Escândalo!!! Dinheiro que governo Dino pagou em aluguel sem usar, daria para construir um prédio

A incompetência da fraca administração do governo Flávio Dino (PC do B), mostra o que ainda estar por vir, em 1 ano e 11 meses que restam da gestão

Prédio que abrigava a Delegacia do Adolescente Infrator, no Bairro da Madre Deus, de propriedade do governo do estado está abandonado

O titular do Blog esteve nas dependências de um imóvel abandonado pelo governo do estado, que abrigava a Delegacia do Adolescente Infrator – DAI, e que fica há menos de 500 metros de distância de um imóvel que foi alugado e pago mensalmente pelo governo Dino e ficou pelo menos, 12 meses sem ser utilizado.

O valor pago no aluguel daria para construir um prédio na antiga sede da DAI, ao todo, foram pagos com o dinheiro do contribuinte, R$ 720 mil no imóvel  de propriedade da empresa LDA Comércio de Gêneros Alimentícios LTDA.

Se não bastasse pagar esta dinheirama em aluguel, o governo do estado ainda contratou uma empresa para “reformar” um imóvel particular, com dinheiro público. A empresa ENGETECH CONSTRUTORA LTDA,  foi contratada pelo valor de R$ 151.345,80 (Cento e cinquenta e um mil, trezentos e quarenta e cinco reais). Veja!!!

O Blog foi o primeiro a divulgar este escândalo com o dinheiro público, protagonizado pelo governo Flávio Dino, por meio da Fundação da Criança e do Adolescente – FUNAC, Veja abaixo!!!

Mais escândalo!!! Governo do Maranhão paga R$ 45 mil por mês em aluguel de imóvel que não funciona

Até hoje, o Ministério Público do Maranhão não se pronunciou sobre este escândalo, mesmo a imprensa livre denunciando, mesmo com ações de deputados estaduais e até mesmo a denúncia feita pela imprensa nacional. A cada dia que se passa, parece que o órgão  está amordaçado, tolhido e intimidado no Maranhão.

As imagens abaixo, comprovam o descaso e a corrupção praticada pelo governo do Maranhão, onde um prédio público é abandonado e o dinheiro público é investido numa propriedade particular.

Categoria: Filipe Mota

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatório são marcados *

*