Blog do Filipe Mota - Notícias de última hora

App da CNH digital já está disponível para demonstração

Quando estiver efetivamente funcionando, o motorista poderá conferir a pontuação de infrações cometidas e ser avisado quando a CNH estiver perto de vencer

O aplicativo da Carteira Nacional de Habilitação eletrônica (CNH-e) já está disponível em uma versão demonstração para smartphones Android, onde é possível visualizar frente e verso de uma carteira fictícia.

Além disso, o aplicativo já vem com algumas funções extras como a funcionalidade que permite “exportar” e compartilhar o arquivo da carteira (por e-mail e até whatsapp) para usar em situações que exigem um documento autenticado.

Quando estiver em pleno funcionamento, o motorista também poderá conferir no aplicativo a pontuação de infrações cometidas e ser avisado quando a CNH estiver perto de vencer, segundo informou o Ministérios das Cidades.

A previsão é que a carteira digital será implantada em todo o Brasil em fevereiro de 2018, quando todos os Detrans devem estar obrigatoriamente aptos a emitir a CNH-e, quando solicitado.

Ainda não há definição sobre os custos do documento virtual, já que esta definição cabe a cada Detran estadual.

Curta e Compartilhe nas Redes Sociais

Taxistas criam caos no trânsito em São Luís

Trânsito de São Luís está um caos maior ainda do que o normal, tudo por conta de um protesto de taxistas contra aplicativos

O trânsito de São Luís está um caos maior ainda do que o normal, tudo por conta de um protesto de taxistas contra aplicativos de transportes de passageiros, tais como o Uber.

Trabalhadores, estudantes e os cidadãos que utilizam o sistema de tranporte público, se deparam com um engarrafamento quilométrico nas princiapais vias de acessos ao centro da cidade.

Com carros de sons, os taxistas fecharam a ponte José Sarney, na beira mar e fazem manifestação neste momento, às 9:20h, contra os aplicativos.

A população revoltada, faz com que se distanciem dos taxistas e se aproximem mais do Uber, os tempos modernos garantem isso. O Blog entende que os taxistam deveriam migrar também para o aplicativo e tornar-se uma espécie mista de transporte público privado.

Mas ao invés de procurar facilidade para si querem criar dificuldades para os que pagam a conta, a população. O serviço de táxi é de péssima qualidade e os preços não agradam os cidadãos.

 

Curta e Compartilhe nas Redes Sociais

Escândalo!!! Quem atrasar o pagamento do IPVA no governo Dino, vai pagar 30% em juros e multas

Quem não pagar em dia o IPVA no governo Flávio Dino (PC do B), poderá pagar até 30% a mais do valor devido com juros e multas

Donos de veículos que perderam o prazo para pagar o IPVA (Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores), deste ano (2017), arcarão com juros e multas salgadas que podem chegar a 30% do valor do imposto devido. 

De acordo com Portaria do Governo Flávio Dino, o valor da multa aumenta 0,33% por dia de atraso, além do reajuste baseado na Selic (taxa básica de juros). Quanto mais tempo passa, mais dinheiro o cidadão terá que tirar do bolso para quitar os débitos.

Governo Flávio Dino, suja o nome dos devedores no SPC e SERASA 

O proprietário de veículo que não pagou o imposto no prazo deve acertas as contas com o fisco estadual, com o número do Renavam e o CPF do proprietário. O pagamento pode ser feito no caixa eletrônico, no guichê ou pela internet.

Vale lembrar que o contribuinte só poderá receber o licenciamento se o IPVA estiver quitado e, ao circular irregularmente, poderá ter o carro apreendido.

Após o prazo para o licenciamento do veículo, se continuar com o IPVA sem pagamento ou se existir outra pendência (multas de trânsito, seguro obrigatório etc.), o proprietário estará impedido de licenciar.

Em tempo: Cerca de 500 mil proprietários de veículos já efetuaram o pagamento do licenciamento em 2017.

E mais: Restam ainda, 800 mil proprietários que não pagaram o imposto no Maranhão.

Pra fechar: A frota de veículos no Maranhão e de contribuintes são 1.570.000 (Um milhão, quinhentos e setenta mil).  

 

Curta e Compartilhe nas Redes Sociais

CNH virtual começa a valer em fevereiro de 2018

De acordo com Conselho Nacional de Trânsito, a CNH virtual terá o mesmo valor do documento impresso; a versão eletrônica poderá ser acessada por meio de um aplicativo em smartphones

A partir de fevereiro de 2018, entrará em vigor a versão eletrônica da Carteira Nacional de Habilitação (CNH). O documento virtual terá o mesmo valor do documento impresso. A diferença é que a versão eletrônica poderá ser acessada por meio de um aplicativo em smartphones.

A proposta, do Ministério das Cidades foi aprovada terça-feira (25), em reunião do Conselho Nacional de Trânsito (Contran). A carteira impressa continuará valendo e sendo emitida normalmente.

“Teremos condições de atender a todos os condutores. Não tenho como informar ainda o valor investido, porque estamos na fase de desenvolvimento. Primeiro, foi a regulamentação, agora vamos passar para o desenvolvimento”, informou o diretor do Departamento Nacional de Trânsito (Denatran), Elmer Coelho Vicenzi.

Com a novidade, os agentes de trânsito também utilizarão o aplicativo na conferência dos dados. Os motoristas apresentarão a carteira na versão eletrônica por meio da leitura do QRCode, um código de barras bidimensional que contém as informações e pode ser escaneado.

Vicenzi assegura que as falsificações e os acessos desautorizados serão coibidos. Ele informa que o algoritmo da certificação funciona somente no sistema Lince, do Serviço Federal de Processamento de Dados (Serpro).

“Com isso, quem esquece a CNH em casa não estará sujeito a multa e pontos na carteira. Basta apresentar o documento digital”, diz o ministro das Cidades, Bruno Araújo.

Passo a passo

Para solicitar a carteira de habilitação eletrônica, o motorista deverá se cadastrar no Portal de Serviços do Departamento Nacional de Trânsito (Denatran). Será enviado um link para o e-mail informado no cadastro, pedindo que o usuário faça login pelo celular do qual acessará o aplicativo.

No primeiro acesso, o interessado deverá criar um Número de Identificação Pessoal (PIN), para armazenar os dados com segurança. É necessário que o motorista memorize essa senha, que será pedida em todos os futuros acessos.

Depois dessa etapa, a autenticidade do documento é validada pelos departamentos de trânsito (Detrans) de cada estado, por meio de uma assinatura com certificado digital. Com isso, a CNH é exportada para o celular. Caso o usuário precise bloquear o aparelho, para impedir a exposição de seus dados, ele deve fazer a solicitação também pelo portal.

Curta e Compartilhe nas Redes Sociais

Agora lascou!!! Governo Dino tira responsabilidade da SMTT em fiscalização de avenidas

Fiscalização e ocorrências de trânsito em avenidas de São Luís deixam de ser responsabilidade da secretaria de trânsito e transportes – SMTT

Além das rodovias estaduais na Região Metropolitana de São Luís, as avenidas Litorânea e Holandeses são agora de responsabilidade da Polícia Militar por meio da Companhia de Polícia Militar Rodoviária Independente (CPRv Ind.).

Fiscalização e ocorrências de acidentes de trânsito em avenidas de São Luís foram alterados por meio do governo do Maranhão e muita gente ainda desconhece.

Deficiência

A secetaria de segurança informou que a CPRV ind conta com apenas 228 homens para fiscalizar 130 rodovias em todo o Maranhão, o cálculo dá pouco mais de 1 policial por rodovia.

No total, a Companhia tem apenas 18 viaturas para efetivar a empreitada.

Ao que parece, esta é mais uma ação desastrada do governo Flávio Dino (PC do B), para tentar mostrar serviço à população.

Em tempo: Sem efetivo, eventuais acidentes que ocorrerem nas vias estaduais, demandarão de muita espera e paciência dos condutores.

E mais: Por se tratar de vias estaduais os serviços de perícias serão realizados pelo Instituto de Perícia Técnica – ICRIM, que também tem deficiências. 

Pra fechar: Será que a Secretaria Municipal de Trânsito e Transportes – SMTT, vai remover a sinalização que foi recentemente realizada nas duas vias ???

Curta e Compartilhe nas Redes Sociais

De volta!!! SMTT vai reinstalar fotosensores em São Luís

Nos últimos meses, o número de acidentes e infrações aplicadas e as não aplicadas aumentaram muito em São Luís com a imprudência dos condutores

A Secretaria Municipal de Trânsito e Transportes (SMTT), vai reinstalar no próximo mês (Agosto), os fotosensores que foram retirados pela antiga empresa administradora dos radares eletrônicos nas avenidas de São Luís.

Restou comprovado que os aparelhos são mais do que necessários para a fiscalização dos condutores uma vez que sem eles, condutores estão praticando infrações de todo a espécie em ruas e avenidas da capital.  

O secretário Canindé Barros afirmou que os equipamentos serão instalados em agosto e terão plena operação. A empresa já foi contratada por meio de licitação..

 

 

Curta e Compartilhe nas Redes Sociais