Blog do Filipe Mota - Notícias de última hora

Membro da base aliada de Dino, Roberto Costa tenta “virar” cabeça de Galdino

O Deputado Roberto Costa buscou junto ao secretário de Cultura, Diego Galdino, um maior número de apresentações aos grupos maranhenses no “São João para todos”

Aliados pelo poder, Flávio Dino e Roberto Costa na Assembleia Legislativa

O deputado Roberto Costa (MDB), usou a tribuna na sessão de ontem, terça-feira (5), para defender a ampliação e a participação das brincadeiras nas festas juninas, na programação do Governo do Estado. O parlamentar entrou em contato com o Secretário de Estado da Cultura, Diego Galdino, que se colocou à disposição desde o primeiro momento, para realizar uma audiência e discutir a participação dos grupos artísticos no São João do Maranhão.

“O edital também não pode deixar de oportunizar um número muito maior de vagas para atender às demandas existentes de brincadeiras. O edital é importante? É, porque democratiza positivamente a participação de todas as brincadeiras. E o nosso objetivo junto com o Secretário de Cultura, Diego Galdino é buscar soluções para contemplar o maior número de manifestações culturais”.  

O deputado destacou as brincadeiras juninas também na formação de jovens e na valorização da cultura.

“Muitos jovens das comunidades têm as brincadeiras juninas como oportunidade de lazer e valorização da cultura. É por meio da cultura que vem o bailar do Cacuriá, a Dança do Boiadeiro, a Dança Portuguesa, uma miscelânea de valores e costumes de um povo. Conviver com esta arte, é trazer a formação de um cidadão, é o reconhecimento da cultura da sua cidade, do seu estado”.

O parlamentar ressaltou a importância da criação de um grupo da Secretaria de Estado da Cultura para orientar os representantes artísticos, em relação aos critérios de exigência do edital. Dessa forma, ampliará o número de brincadeiras nos eventos juninos.

Roberto Costa reconheceu o trabalho feito pela Secretaria de Estado da Cultura e afirmou que o secretário é solícito as suas reivindicações.

“Todas às vezes que nós procuramos o Secretário Diego Galdino ele nunca nos faltou, inclusive em relação a isso. Nós precisamos buscar uma solução rapidamente. Nós precisamos oportunizar o maior número de vagas para essas brincadeiras dentro de nosso São João. E quem ganha com a apresentação das brincadeiras, na verdade, é o povo do Maranhão. E tenho certeza que o Diego não vai lhes faltar com essa resposta extremamente positiva”, concluiu o parlamentar.

Em tempo: como o deputado Roberto Costa faz parte da base aliada do governo Flávio Dino, ele deve conseguir “dobrar” o secretário Diego Galdino, para aumentar uma ou outra apresentação.

E mais: estas apresentações extras devem ser pagas pela empresa M.Rayanne, que recebe dinheiro do órgão público e repassa uma parte às brincadeiras.

Com informações do Blog de Marco D’éça, alterado por este Blog

 

Curta e Compartilhe nas Redes Sociais

São João do Maranhão no vermelho…

Com a panelinha dos amigos de Márcio Jerry – já que Flávio Dino não tem qualquer vínculo com a cultura maranhense – governo comunista promove São João descaracterizado com artistas nacionais

Para quem usa chapéu de boiero e matraca em pleno carnaval, Flávio Dino está adequado a um São João com Agnaldo Timóteo

O governador Flávio Dino (PC do B), descaracterizou os últimos quatro carnavais maranhenses para fazer graça aos seus amiguinhos comunistas, que receberam para cantar nos bailes pagos com dinheiro público.

Agora, faz isso também com o São João, em que deixa de fora artistas com forte vínculo com a cultura maranhense de raiz, para botar nos palcos amiguinhos de faculdade – sobretudo do ex-secretário Márcio Jerry, já que Dino tem pouca ou nenhuma relação com as artes e a cultura maranhense.

O “São João de Todos Nós” terá artistas como Fagner, mais conhecido pela música romântica, e Agnaldo Timóteo, lenda viva do bolero, mas de pouca afinidade com o bumba-meu-boi ou os ritmos que marcam as festas juninas do Maranhão.

Artistas maranhenses tiveram que se submeter a um edital, que pedia, dentre outras coisas, até mesmo atestado de quitação com a Caema (?).

E muitos, como Mano Borges, foram desclassificados por não atenderem aos critérios do evento.

Ora, que critérios usaram os gênios da cultura do governo comunista para definir que Agnaldo Timóteo e Fagner tem a ver com o São João do Maranhão e Mano Borges não?

Filiada ao partido de Flávio Dino, Leci Brandão, ao lado do agressor de mulher, Netinho, ganhou cadeira cativa nas viradas do ano comunista

A panelinha comunista na cultura tem provocado aberrações como a presença de Elza Soares cantando no Carnaval ou a comunista Leci Brandão fazendo shows da virada um ano atrás do outro.

Outros artistas, como Betto Pereira e Carlinhos Veloz, também ignorados nos editais culturais do governo, manifestaram sua crítica de forma dura ao governo, mostrando, inclusive, que não precisam de editais para cantar em sua própria terra.

O São João vermelho de Flávio Dino é uma aberração cultural que descaracteriza a cultura maranhense.

É mais uma “avermelhação” dos signos e símbolos mais significativos do estado…

Com informações de ‘Estado Maior’, de O EstadoMaranhão

Curta e Compartilhe nas Redes Sociais

Mapa da Violência: Governo do Maranhão não divulga mortes

Índice nacional de homicídios criado pelo G1 acompanha mês a mês os dados de vítimas de crimes violentos no país. Maranhão não passa informações

Estados preenchidos pela cor preta não informam dados

Curta e Compartilhe nas Redes Sociais

Depois de acabar com o carnaval, Flávio Dino e Edivaldo Holanda Jr. bagunçam o São João

Carlinhos Veloz fez um duro discurso nas redes sociais

Municipio de São Luís:

O prefeito Edivaldo Holanda Jr demonstra com seus aliados que não suporta a cultura maranhense, que só beneficia alguns aliados, mais esquece a cultura ludovicense , efetivou o Marlon Botão como secretário de cultura, senhor esse que é repudiado por grande parte das verdadeiras pessoas que fazem cultura em São Luís, vamos ficar de olho para expor as emendas e convênios escabrosos que talvez irão ter no São João.

Governo do Estado:

O governador Flávio Dino (PC do B),por sua vez  mesmo arrecandando como nunca antes na história do Maranhão, conseguiu acabar com a cultura do estado, foi assim no carnaval, está sendo assim com o São João. O último festejo junino sob o comando dos comunistas está repleto de apresentações camaradas forasteiras e excluiu as associações culturais, grupos tradicionais e até mesmo os cantores da terra ficaram de fora do São João maranhense.

Desde que tomou conhecimento do dinheiro da Lei de Incentivo à Cultura, o governador utiliza os recursos para realizar as ações do próprio governo. Grupo Mateus, Cemar, Centro Elétrico e empresas estão pagando a conta.

Como o dinheiro que era para fomentar as associações culturais maranhenses está endo utilizado de forma errada pelo governo do estado, cantores maranhenses tais como: Mano Borges, Betto Pereira, Carlinhos Veloz dentre outros estã fora da programação, para dar espaço para Agnaldo Timóteo, Alceu Valença e Fagner, até Lairton dos Teclados, que anda fazendo ‘jingle’ do governador foi agraciado no São João.

Em tempo: o governo comunista alega que os artistas locais não apresentaram propostas para o edital de chamamento público.

E mais: e os cantores forasteiros, entram na licitação do São João???

Pra fechar: como afirmamos, em apenas 4 anos, Flávio Dino acabou com o carnaval e bagunçou o São João do Marahão.

Curta e Compartilhe nas Redes Sociais

5 meses: Governo Flávio Dino já arrecadou mais de R$ 8 Bilhões em impostos

Em apenas cinco meses, governo Flávio Dino já arrecadou mais de R$ 8 bilhões em impostos

O governo Flávio Dino (PC do B), já arrecadou em apenas cinco meses, do dia 1º de janeiro a 31 de maio, mais de R$ 8 bilhões em impostos. Os dados são do site “Impostômetro”, com a informação, os maranhenses já pagaram R$ 5oo milhões a mais do que durante o mesmo período de 2017.

O painel eletrônico do Impostômetro calcula a arrecadação em tempo real na sede da associação comercial de São Paulo, e através do portal www.impostometro.com.br. A ferramenta tem o objetivo de conscientizar o cidadão sobre a elevada carga tributária e incentivá-lo a cobrar serviços públicos de qualidade.

Curta e Compartilhe nas Redes Sociais

Prefeitura e governo do Maranhão decretam ponto facultativo na Sexta-feira (1)

O governo do Maranhão e a Prefeitura Municipal de São decretaram ponto facultativo na próxima sexta-feira (1), como na quinta-feira (31), vai ser feriado de Corpus Christi, vai haver um feriadão prologado em todo o estado

Quinta, Sexta, Sábado e Domingo de feriado prolongado no Maranhão, portanto, quem tiver que resolver alguma pendência nos órgãos públicos do estado e do município, corra que só tem amanhã!!!

Curta e Compartilhe nas Redes Sociais

Absurdo!!! Flávio Dino quer “revitalizar” o Castelão com dinheiro da Lei de incentivo

Após inúmeras denúncias inócuas aos “ouvidos” do Ministério Público, o  Blog formalizará sempre uma Queixa / Representação para cada postagem escandalosa da gestão comunista 

Dinheiro da Lei de Incentivo vem sendo utilizado de forma escandalosa no Maranhão

O Grupo Mateus, do empresário Ilson Mateus foi beneficiado com a redução de impostos no Maranhão desde que virou aliado do governador Flávio Dino (PC do B), e tem sido corriqueiro o uso do dinheiro de compensação fiscal do Mateus, via Lei de Incentivo, para realizar obras que teria que ser obrigação da administração comunista.

O governador do Maranhão desvirtuou o sentido das leis de Incentivo à Cultura e ao Esporte, e utiliza o dinheiro advindo de compensações fiscais de empresas para realizar obras e patrocinar projetos que a própria gestão tem obrigação em fazer.

Um atento leitor do Blog, nos atentou que ontem (28), durante a partida Sampaio Corrêa x Ponte Preta, válida pelo Brasileiro da série B, a todo minuto aparecia nos telões que o governo do estado vai “revitalizar” o estádio Castelão com dinheiro da parceria com o Mateus, via Lei de Incentivo.

Não é de hoje, que este Blog vem investigando e denunciando o uso do dinheiro público da Lei de Incentivo para fazer obras que o próprio executivo era para realizar.

O Ministério Público está afônico, cego e nada diz, ou sequer investiga o ‘modus operandi’ feito pelo governador do Maranhão, que segundo fontes, não libera um centavo de projetos das leis de incentivos, que não passe pelo seu “crivo”. É lamentável como as coisas acontecem neste governo e nada é feito pelas autoridades de controle.

Para tal, o Blog tomou uma decisão, a partir de agora, para cada denúncia postada neste veículo de comunicação popular, será feita uma Queixa / Representação ao Ministério Público, seja o da esfera estadual ou federal. Tribunal de Contas e por aí em diante.

Curta e Compartilhe nas Redes Sociais

Bomba!!! Financiador de campanha de Flávio Dino tem aval da PGR e vai delatar políticos

Léo Pinheiro, da OAS, tem aval da PGR, e está próximo de fechar colaboração que atinge políticos

Empreiteiro Léo Pinheiro da OAS vai falar

Mais de dois anos após começar a negociar o acordo de delação premiada, com a lava-jato, o ex-presidente da OAS, Léo Pinheiro, que está preso desde setembro de 2016, obteve o aval da Procuradoria Geral da República – PGR, e vai falar tudo o que sabe sobre o maior esquema de financiamento de campanhas de políticos brasileiros. Quem carimbou a delação foi a Procuradora Geral Raquel Dodge.

A delação inclui uma lista de cerca de 60 anexos, que O Globo teve acesso com exclusividade, os documentos envolvem pelo menos 14 políticos, entre eles governadores, deputados federais e senadores. Os documentos relatam obras superfaturadas, propinas e repasses de ‘caixa dois’ para campanhas.

No Maranhão, o empreiteiro enviou muito dinheiro para a campanha do então candidato ao governo do estado em 2014, Flávio Dino (PC do B), sabe-se lá porquê, as “doações” foram todas registradas no Tribunal Superior Eleitoral – TSE.

Léo Pinheiro é mesmo que depois afirmou que todas as doações de sua empresa a políticos era na verdade, propina disfarçada de doações de campanhas e que muitas entraram como ‘Caixa dois’.

Portanto, agora é só esperar a bomba estourar para saber se vai respingar no Maranhão.

 

 

Curta e Compartilhe nas Redes Sociais

Blog do Filipe Mota is Stephen Fry proof thanks to caching by WP Super Cache