Blog do Filipe Mota - Notícias de última hora

Escândalo!!! Flávio Dino vai aumentar também o imposto do material de construção

O governo Flávio Dino (PCdoB), vai modificar também a alíquota do ICMS do material de construção; Aumento será de até 80% 

Na quinta-feira passada, um dia após o golpe da implantação da ‘Lei do Cão’, que congelou o salário dos professores da rede estadual de ensino e também no dia que iniciou o aumento da gasolina, da internet, dos canais pagos, e a conta de telefone, o governo Flávio Dino pressiona os deputados estaduais aliados para aprovar um novo aumento, desta vez, o do material de construção.

Está prevista para hoje (20), a votação da proposta do governo Flávio Dino, na Comissão de Constituição e Justiça da Assembleia Legislativa. A Assembleia deverá realizar audiência pública para discutir o tema, com a presença do próprio governo, das empresas de construção, dos trabalhadores do setor e da OAB-MA.

E saibam todos os maranhenses, este Blog não tem a menor dúvida que a proposta do governo comunista será aprovada pelos deputados da base aliada, que tem cerca de 30 membros que se revesam nas votações que estão levando o Maranhão e sua população ao fundo do poço.

Se o governo Flávio Dino fosse no mínimo progressista e tivesse visão, o correto era diminuir os impostos e incentivar a movimentação econômica dos investidores, do empresariado e da população em geral.

Em tempo: O governador Flávio Dino está transformando o estado numa espécie de Cuba e afugentando o empresariado e investidores com o imposto mais caro do Brasil.

Vereadores de São Luís promovem café da manhã com o Governador Flávio Dino


Hoje dia (20), vai acontecer um café da manhã as 09:00 horas, na Câmara Municipal de São Luís, dos vereadores com o governador Flávio Dino (PCdoB), que deve ir com sua comitiva composta pelo secretário de Comunicação e Articulação Política, Márcio Jerry (PCdoB), Pedro Lucas (PTB) – presidente da agência metropolitana, prefeito Edivaldo Holanda Júnior (PDT), vice-prefeito Júlio Pinheiro (PCdoB) e o deputado federal Weverton Rocha (PDT).


Ato esse que irá estreitar os laços do governo estadual com o parlamento da capital, mostrando que a sintonia entre esses poderes estão alinhadas, o governador por sua vez tem uma ótima amizade com o atual presidente da casa o vereador Astro de Ogum(PR), momento esse propício para tratar de alguns encaminhamentos que vereadores da casa tem a nível de capital e estadual, por outro lado também pode fortalecer e mostrar que independente da atual situação política, a câmara tá emanada em resolver situações peculiares a favor da população ludovicense.
Esse ato também pode ter reflexo nas eleições de 2018, já que alguns vereadores já demonstram vontade de concorrer e assumir um cargo no parlamento estadual, apenas dois vereadores não demonstraram e não confirmaram presença nessa reunião, o vereador Marquinhos(DEM) e o vereador Francisco Chaguinhas (PP), esses que por sua vez já estão demonstrando um posicionamento contrário aos que a maioria dos vereadores devem seguir nas eleições majoritárias de 2018.

Cultivo de sururu avança em Bequimão

O módulo experimental de cultivo de sururu implantado pela Secretaria de Agricultura, Pecuária e Pesca (Sagrima) em Bequimão vem apresentado resultados promissores e já mostra ser um bom exemplo a ser aplicado em outros municípios do estado. O projeto vem sendo acompanhado pela equipe da Sagrima e pesquisadores da Universidade Estadual do Maranhão (UEMA) e Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão (IFMA).

De acordo com a coordenadora de Apoio à Aquicultura da Sagrima, Isabela Neiva Moreira, o projeto tem tudo para ser um sucesso. “O marisco está se adaptando com rapidez às estruturas de cultivo adquiridas pela secretaria e promete ser um sucesso! A equipe está elaborando mais projetos experimentais pra serem implantados no Litoral Ocidental”, explica.

O primeiro povoamento foi feito em novembro, no povoado de Paricatiua. Mais de 30 habitantes do povoado já foram capacitados no manejo e cultivo de moluscos e agora tem na atividade mais uma fonte de renda. Para o presidente do Sindicato dos Pescadores Profissionais Artesanais, Aquicultores, Marisqueiros e Trabalhadores na Pesca do município de Bequimão-MA, Odoriel Barata, o suporte da Sagrima e dos parceiros do projeto está sendo fundamental.“O trabalho está indo muito bem, a comunidade está se dedicando e se interessando muito, porque é uma atividade nova, que a gente não tinha muita experiência e agora com a assistência, vamos ter um resultado muito bom”, explicou.

O sistema aplicado é o long line (linha longa), onde uma corda sustenta o sururu em cultivo. No projeto de Bequimão, o long line possui em torno de 70 metros e produzirá cerca de 100kg de sururu por ciclo, onde cada ciclo tem duração de quatro meses. Magal, vice-prefieto de Bequimão, reforçou a importância da parceria entre instituições para o sucesso da produção. “Estamos desde o ano passado nessa parceria com a Sagrima, para a implantação desse projeto pioneiro. Nossa cidade tem um potencial enorme para essas culturas, tanto sururu quando ostra. O prefeito José Martins continuará dando todo o apoio necessário para que esse projeto alcance seu objetivo final, que é gerar mais renda para nossas comunidades ribeirinhas”.

O objetivo do projeto é já ter produção em escala comercial, como o que já acontece com o cultivo de ostras em Humberto de Campos, cujos produtos chegaram aos supermercados pela primeira vez em 2016. Esse projeto, por sua vez, será ampliado para Icatu e Primeira Cruz ainda este ano.

Para o secretário da Sagrima, Márcio Honaiser, o cultivo de sururu no estado tem grande potencial de crescimento. “Esse projeto será um importante complemento à renda de marisqueiros e pescadores do estado, dando a eles inclusive a possibilidade de inserção num mercado formal, abrangendo não somente o mercado maranhense, como outras regiões do país, já que é alta a demanda por esses mariscos”, explica.

Tribunal Superior Eleitoral extinguiu representação contra o vereador Beto Castro

A ministra Rosa Weber, do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), concedeu liminar extinguindo representação contra o vereador de São Luís, Beto Castro (Pros)

Beto Castro durante caminhada no bairro de Fátima

A decisão da ministra Rosa Weber, suspendeu representação contra o vereador de São Luís, Beto Castro (Pros), por supostos atos ilícitos na campanha eleitoral de 2012. A ação, de autoria do ex-suplente de vereador Paulo Roberto Pinto (PHS), conhecido por Carioca tramitava na justiça eleitoral desde 2013.

A liminar do TSE tem como base um pedido da defesa de Beto Castro para extinguir o processo. A ministra Rosa Weber acatou o pedido e julgou prejudicado o recurso especial, pois a ação de impugnação de mandato perdeu o objeto depois que foi “transcorrido o período do mandato”.

 

Governo Temer arrecada quase 4 bilhões com leilões de aeroportos

Grupo alemão Fraport vai assumir aeroportos de Porto Alegre e Fortaleza; Salvador ficou com a francesa Vinci e Florianópolis, com a suíça Zurich

Governo faz leilão de quatro aeroportos na BM&F Bovespa; (Foto: Luisa Melo/G1)

O leilão dos aeroportos de Fortaleza (CE), Salvador (BA), Florianópolis (SC) e Porto Alegre (RS) garantiu ao governo uma arrecadação de R$ 3,72 bilhões em todo o período da concessão, cerca de 23% acima do valor esperado pelo governo, de R$ 3,014 bilhões. O ágio está bem abaixo dos valores praticados nas primeiras rodadas de concessão de aeroportos.

Os lances mínimos foram fixados com base em 25% do valor da outorga e esses valores terão que ser pagos no momento da assinatura do contrato. O governo garantiu uma arrecadação para esta etapa no valor de R$ 1,46 bilhão, o que representa um ágio de 94% sobre o mínimo estabelecido pelo edital (R$ 753 milhões).

Três grupos estrangeiros – a francesa Vinci, a alemã Fraport e a suíça Zurich – levaram as concessões dos quatro aeroportos. Ao contrário dos leilões anteriores, eles entraram na disputa sem sócios no Brasil. Nenhum grupo brasileiro apresentou proposta pelos quatro aeroportos.

Disputa no pregão

Apesar da participação de apenas 3 concorrentes, o leilão foi marcado por disputa acirrada em alguns aeroportos, sobretudo para Porto Alegre e Florianópolis, com uma série de lances em viva-voz até o resultado final.

Cada um dos aeroportos foi disputado por dois concorrentes, com exceção de Salvador, arrematado pela Vinci com oferta única.

A concorrência, no entanto, foi menor do que nas rodadas anteriores de privatização. No leilão dos aeroportos de Galeão e Confins, 5 consórcios participaram da disputa. Já no leilão de Guarulhos, Brasília e Campinas, foram 11 concorrentes.

Presidente Temer comemorou pelo Twitter

O governo comemorou o resultado. No Twitter, o presidente Michel Temer disse que o Brasil “reconquistou a credibilidade internacional” Já o ministro da Secretaria-Geral da Presidência, Moreira Franco, destacou que os vencedores são empresas qualificadas e reconhecidas internacionalmente. “São empresas com muita tradição e presentes em aeroportos muito bem avaliados. Elas vão trazer essa experiência para aeroportos que vão servir os brasileiros”.

Segundo Moreira Franco, o perfil das concessões mudou e focará mais na melhoria de serviços nos aeroportos do que na realização de obras. Ele também afirmou que o valor arrecadado com o leilão será destinado ao Fundo Nacional de Aviação Civil, que visa garantir investimentos para o desenvolvimento da aviação civil em todo o país.

Para o sócio do escritório ASBZ Advogados e especialista em direito aeronáutico, Guilherme Amaral, o resultado foi “surpreendentemente positivo”. “A expectativa era de um ágio menor e até de lotes vazios. A mudança da modelagem dos editais, com a saída da Infraero dos consórcios, e previsões mais flexíveis de investimento conforme a demanda colaboraram”, afirmou.

Regras

Questionado sobre a dívida de R$ 1,3 bilhão dos concessionários dos aeroportos do Galeão, Brasília, Viracopos, Confins e São Gonçalo do Amarante e risco dos atrasos nos pagamentos das outorgas também vir a ocorrer nos aeroportos leiloados nesta quinta, o governo disse que foram feitos aperfeiçoamentos nas regras como a carência de 5 anos para o pagamento das parcelas anuais de outorga e a retirada da participação obrigatória da Infraero nos consórcios.

“Isso dá mais segurança para o processo de financiamento”, destacou Moreira Franco. “E afasta o investidor aventureiro de um processo como este”, emendou Mauricio Quintella, ministro dos Transportes, destacando que os vencedores são operadores com grande experiência internacional.

Sobre a dívida das concessionárias atuais, cujo situação mais problemática é a do Galeão, Moreira Franco que o governo está discutindo com o BNDES uma “alternativa que seja legalmente e financeiramente aceitável, e atenda às necessidades dos contratos”.

Com informações do G1

Estratégia covarde e equivocada dos deputados Cabo Campos e Júnior Verde

Os deputados estaduais Cabo Campos (DEM) e Júnior Verde (PRB), que votaram contra os professores, tentaram se justificar na manhã de hoje (16), na Assembleia Legislativa 

Quando se imaginou que depois do fatídico dia 15 de março, nada mais pudesse surpreender na Assembleia Legislativa, eis que aparecem os deputados estaduais Cabo Campos e Júnior Verde, com uma estratégia injusta e covarde.

Os dois parlamentares, depois de passarem quase oito horas calados, sem se pronunciar durante a votação da MP 230, (Lei do Cão), resolveram nesta quinta-feira (16), um dia após a votação, se posicionar e tentar justificar os seus votos, que foram contra os professores da rede estadual de ensino.

Entretanto, a atitude dos parlamentares foi equivocada, pois trouxe o assunto novamente à pauta, e covarde, uma vez que esperaram os professores saírem da Assembleia para externarem seus pensamentos.

Ou seja, o “tiro saiu pela culatra” e os dois parlamentares ainda ouviram o que não queriam da Tribuna, pois tanto Max Barros, quanto Eduardo Braide responderam à altura os pronunciamentos tolos e desnecessários de Cabo Campos e Júnior Verde.

“Eu entendo que o dia e o momento para se estabelecer o contraditório, o debate, a divergência de opiniões não é o dia de hoje, era o dia de ontem, quando a matéria foi votada, quando os principais interessados estavam aqui na galeria para participar e ouvir o debate, ontem foi o grande dia para se estabelecer o contraditório, o debate, o poder da argumentação, não hoje. Nem os principais representantes do governo nesta Casa ousaram discutir mais esse assunto. Mas parece que as vezes, para alguns, é necessário mostrar algum serviço ao governo para fazer esse discurso apenas para registro da mídia”, cutucou Max Barros.

Eduardo Braide foi mais incisivo e chegou até a alertar a categoria de policiais civis e militares quando seus reajustes forem votados na Assembleia. Braide fez a comparação pelo fato de Júnior Verde ser policial civil e Cabo Campos ser policial militar.

“Os deputados tiveram toda a oportunidade de defender a medida provisória na forma original, já que estão dizendo que é a melhor coisa do mundo. Por que não subiram na Tribuna ontem para dizer que a MP era boa? Hoje, que já foi aprovada, que não tem nenhum educador na galeria para poder acompanhar a votação, sobe-se com maior arroubo para dizer que a MP é boa. Existem certos momentos que é melhor ficar calado do que falar. Pelo que estão dizendo, Polícia Militar do Maranhão, Polícia Civil do Maranhão, tomem cuidado porque, se o governo do Estado chegar aqui com uma medida para implantar a recomposição salarial em qualquer gratificação de vocês e não no subsídio, tem deputado que já declarou da Tribuna que é bom e que vai votar desse mesmo jeito. Eu quero dizer o que foi feito ontem aqui, foi rasgar o Estatuto do Magistério. E falo em alto e bom som, que essa matéria será levada à Justiça e eu tenho certeza que a Justiça haverá de reconhecer esse equívoco”, finalizou Braide, que durante o seu discurso, comprovou mais uma vez, através de matéria retirada no site do próprio SINPROESEMMA, que a categoria não queria a gratificação em cima da GAM, mas sim em cima do vencimento.

Pelo visto os dois parlamentares, com a ida extemporânea na Tribuna, apenas fizeram com que o assunto viesse novamente ao debate e que estavam com medo de se posicionar diante dos professores.

Dessa forma, era melhor terem realmente ficado calados.

Com informações do Blog do Jorge Aragão

VI ano do baile a fantasia “Carnaval acabou pra liso”, promete agitar o final de semana na ilha


Esse baile que já é tradição, começou com um grupo de amigos que não podiam curtir a folia durante a festa momesca, pois dedicavam todo o seu tempo à escola de samba MARAMBAIA.
E de uma forma irreverente e cheia de atitude fizeram um baile a fantasia pós carnaval, que contagia a todos que participam e deixa sempre aquele gostinho de “quero mais”.
Esse ano umas das atrações principais vai ficar por conta do imperador Bruno Shinoda que é sucesso em todo o Maranhão e promete sacudir todo mundo.
O baile vai acontecer dia (18), na FETIEMA em frente à praça da Bíblia, você que já quer seu ingresso, pegue o contato no flyer e garanta já o seu e como diz a festa “Carnaval acabou pra liso” vista sua fantasia e se Jogue na folia;

Geison Marley e sua fantasia de “minion”

As ações necessárias de Márcio Jardim e Júlio França em prol do esporte e lazer

Júlio França e Márcio Jardim, ações importantes em São Luís e em todo Maranhão

As ações realizadas pelas secretarias de esportes e lazer na esfera municipal e estadual  estão sendo reconhecidas pela população de São Luís e todo o Maranhão. Programas que vão de escolinhas de futebol até apoio ao clubes de futebol maranhense. Incentivos esportivos a diversas modalidades esportivas do menor ao maior apelo popular.

Os atuais secretários, Júlio França, no comando da Secretaria Municipal de Desportos e Lazer – SEMDEL, e Márcio Jardim, na Secretaria de Estado do Esporte e Lazer – SEDEL, vem às vezes em parceria, desempenhando as ações e programas que visam fortalecer o deporto e o esporte nas comunidades de São Luís e outras localidades mais longínquas do estado.

A SEMDEL, vem resgatando o programa das escolinhas comunitárias nos bairros de São Luís, uma ação muito importante no objetivo de afastar crianças e adolescentes das drogas e das ruas. Por meio da prática esportiva, promove a proteção integral de crianças e adolescentes. Atualmente,  já são 51 escolinhas e 102 instrutores, aproximadamente 4.500 crianças de todos os bairros são beneficiadas com o programa.

Um importante projeto em execução é o “Adote uma Escolinha”, lançado no fim do ano passado e que tem por objetivo sensibilizar o empresariado maranhense para o fomento das práticas esportivas nas escolinhas ou núcleos de esportes, por meio da doação de materiais ou fundos para sua manutenção.

Nhozinho Santos 

A entrega do Estádio Nhozinho Santos é fruto de um empenho pessoal de Júlio França e do prefeito Edivaldo Holanda Júnior, e sua reabertura no próximo sábado (18), será em grande estilo, pois, terá apresentação de um grande clássico do futebol maranhense, Maranhão Atlético Clube e Moto Club de São Luís, que se enfrentam para saber que avança para a semi-final do Campeonato Maranhense.

Programa Brincando nos Bairros

Outro importante projeto desenvolvido pela Secretaria Municipal é o “Brincando nos Bairros”consiste no oferecimento de ações nas áreas de saúde, jurídica, esportiva e recreativa para crianças, adolescentes, jovens, adultos e idosos das áreas sujeitas à maior risco social. Em cada mês um bairro selecionado de São Luís recebe a estrutura de atendimento de prevenção odontológica, aferição de pressão sanguínea, serviços jurídicos, oferecimento de atividades físicas recreativas e de lazer.

Por sua vez, a SEDEL vem atuando em todo o estado do Maranhão com com Jogos Escolares Maranhenses – JEM’s, que atende várias modalidades de esportes de escolas estaduais do Maranhão.

Um importante programa, implantado na gestão do secretário Márcio Jardim “A longa Vida” iniciado em São Luís, nas instalações do Complexo Esportivo Canhoteiro (Castelão) e conta com idosos dos bairros Alemanha, Barreto, Centro, Coroado, Jordoa, Monte Castelo e Vila Palmeira, que buscam melhor qualidade de vida, por meio de caminhada orientada, exercícios corporais de ginástica e movimentos expressivos, musculação, dança, passeios, palestras, atividades de esporte, recreação e lazer.

Mais Lazer para Todos

A SEDEL desenvolveu também, o projeto “Mais Lazer para Todos”, que engloba a realização de atividades físicas, jogos e recreação. O projeto visa desenvolver uma proposta de política pública e social que atenda às necessidades do esporte, lazer e recreação para população maranhense. Na execução projeto, há também apresentações culturais e artísticas, bem como brincadeiras folclóricas, danças, música, teatro, artesanato, filmes e espaço de leitura. O projeto que atende crianças, jovens, adultos e idosos, já esteve nos municípios de Água doce, Belágua, Cajarí, Centro Novo do Maranhão, Mirinzal, Pedro do Rosário, Porto Rico, São Raimundo Doca Bezerra, São Luís, Serrano do Maranhão, Viana, Vitorino Freire e Vitória do Mearim.

Há de se destacar também, o apoio por meio da Lei de Incentivo ao Esporte, onde o governo estadual isenta impostos, por meio de créditos fiscais as empresas que patrocinarem a prática esportiva, somados a isso, a Secretaria realiza periodicamente Fóruns, Encontros e Congressos de diversas categorias esportivas afim, de executar os projetos e programas em todo o Maranhão.

Estas sim, são ações necessárias em São Luís e no Maranhão…

 

Blog do Filipe Mota is Stephen Fry proof thanks to caching by WP Super Cache