Blog do Filipe Mota - Notícias de última hora

Vereador Beto Castro consegue ônibus novos com ar-condicionado para o Bairro de Fátima

Vereador Beto Castro e o secretário Canindé Barros, durante reunião na SMTT

Vereador Beto Castro e o secretário Canindé Barros, durante reunião na SMTT

O vereador Beto Castro (PROS), esteve reunido com o secretário de trânsito e transportes, Canindé Barros. Na oportunidade, o vereador cobrou ônibus novos com ar-condicionados para atender a população do Bairro de Fátima.

Os novos ônibus já devem atender a demanda dos moradores da comunidade, na semana que vem, após passar por vistorias e inspeção na SMTT. O empenho de Beto Castro, na campanha de reeleição do prefeito de São Luís, Edivaldo Holanda Júnior, foi fundamental para a parceria.

O vereador solicita ainda, junto à prefeitura de São Luís, transformar o Posto Médico do bairro para atender a população 24h por dia.

beto-castro-2 beto-castro-3

Luís Fernando recebe título de cidadão imperatrizense

luis_fernando_01-327204

Com excelentes serviços prestados ao povo de Imperatriz quando foi secretário de Estado da Infraestrutura, Luís Fernando, foi agraciado na tarde desta quarta-feira (23), pela Câmara Municipal com o título de  cidadão Imperatrizense.

Luís Fernando, quando esteve na Sinfra, do Governo Roseana, dedicou muita atenção ao povo imperatrizense e com poder municipal, e por meio de parcerias e projetos, implantou muitas melhorias na cidade, entre elas o saneamento da “ex-grota” José de Alencar, esperada há pelo menos 40 anos. Com Luís Fernando que foi finalmente  lançada a pavimentação da Estrada do Arroz.

A autoria da honraria é do vereador Hamilton Miranda (PSB).

Em tempo: É de autoria de Luís Fernando, o Programa de Governo “Viva Maranhão”, elogiado e patrocinado pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social – BNDES, que garantiu ao governo Roseana, implantar importantes obras estruturantes em todo o Maranhão.

E mais: É por meio do  “Viva Maranhão”, que a atual gestão do governo do Maranhão está conseguindo fazer alguma coisa nestes dois anos de mandato. Sem contar que trocou o nome por “Mais Asfalto”.

Aniversário de Peritoró terá Farra da Gordinha!!!

peritoro

O aniversário do município de Peritoró, há 230 Km de São Luís, terá muita animação com uma intensa programação nos dois dias de comemoração, sexta-feira (25) e sábado (26). No primeiro dia, as bandas “Farra da Gordinha” e Fabrícia e banda, animam a festa que promete ser bastante agitada. Já no ultimo dia, no domingo a programação estará por conta dos cantores gospel, Davi Sacer e Edson Silva.

O prefeito de Peritoró, recém reeleito, Padre Jozias, afirmou que o evento terá bastante segurança, com efetivos da polícia militar, guarda municipal e seguranças particulares, tudo para garantir a realização deste importante evento em comemoração ao aniversário da cidade.

Ainda segundo o prefeito, as comemorações vão além de festas, o dia servirá também de entrega de obras e melhorias de infraestrutura da cidade, finalizou.

A organização do evento está sendo feita pela Secretaria Municipal de Cultura e Turismo de Peritoró, que tem como titular o jovem Lidivam Monteiro e como adjunto, James Dean. Eles aproveitam para convidar os moradores dos municípios vizinhos, para prestigiar o evento.

O Quê: Aniversário de Peritoró-MA

Quando: Dias 25 e 26 (Sábado e Domingo)

Onde: Rua da Mangueira – Peritoró

Vivo apresenta: Arte e Cultura em São Luís, no festival BR135 Conecta Musica

Festival BR 135, começa amanhã, na Praça Nauro Machado, com 18 shows confirmados, o mais aguardado será o da Banda Nação Zumbi

br-135

Tem início amanhã (24), no Centro Histórico de São Luís, mais uma edição do Festival BR135 “Conecta Musica”, o evento vai se multiplicar em diversos palcos, respirando música por todo o “Projeto Reviver”. Um dos maiores eventos musicais do Maranhão, o Festival BR 135, está chegando com 18 shows confirmados na capital.

Além da banda Nação Zumbi (PE), se apresentarão, Liniker e os Caramelows (SP), o Imorrível Di Melo (PE), DuSouto (RN), VengaVenga (SP) e Bruno Batista (MA). E ainda as 15 atrações selecionadas. O evento acontecerá entre nos dias 24, 25 e 26 de novembro, na Praça Nauro Machado, centro histórico da capital maranhense.

PROGRAMAÇÃO

Dia 24 de novembro (Mais conhecido como Amanhã)
Praça Nauro Machado

19h – Boi de Santa Fé
20h30 – Venga Venga (SP)
21h30 – Performance
22h – DuSouto (RN)
23h – Nação Zumbi (PE)

Dia 25 de novembro (Mais conhecido como depois de Amanhã, Sexta-Feira) Escadaria Beco Catarina Mina

19h – High Vibes Sound System – Tarcísio Selektah

Praça Nauro Machado

25/11
Praça da Criança

Palco das Piquenas
19h – Tambor de Crioula de Mestre Felipe
20h – Nathalia Ferro
21h – Tássia Campos
22h – Núbia
23h – Lei di Dai (SP)

Dia 26 de novembro (Mais conhecido como Domingo) 

Mercado das Tulhas

15h – Patativa e a Turma do Vandico

Escadaria Beco Catarina Mina

19h – High Vibes Sound System – Tarcísio Selektah

Praça Nauro Machado

19h – Orq. de Berimbau Mandingueiros do Amanhã
20h30 – Bruno Batista
21h30 – Performance
22h – Strobo (PA)
23h – Liniker e Os Caramelows (SP)

PROGRAMAÇÃO DAS PALESTRAS, DEBATES E RODADA DE NEGÓCIOS 

24/11 (Quinta)
Cine Praia Grande
10h às 12h – Mesa Redonda: Turismo, comunicação e cultura: por uma política pública responsável
Debatedores: Cássia Melo (Grupo Oito), Ricarte Almeida (delegado Nacional de Cultura), Joãozinho Ribeiro (ex-secretário de Estado da Cultura), Hugo Veiga E Vanessa Leite (SecTur-MA)
Mediador: Celso Borges (jornalista)

Casarão RE-O-CUPA ( Rua Afonso Pena, 20 – Centro)15h às 16h30 – Mesa Redonda: Ocupação artística como ferramenta política e cidadã

Apresentação: Júlio Barroso (Ocupa Minc – RJ)

Debatedores: Karina Borges (UEMA), Rafael Silva (Advogado), Sylmara Durans (Ocupa Filosofia UFMA) e Ramuzyo Brasil (IFMA)

16h30 às 17h45 – Palestra: Como entrar nos pequenos e grandes circuitos da música independente e na Virada Cultural de São Paulo

Com: Mauricio Garcia (realizador da Virada Cultural)

Cine Praia Grande18h – Exibição do filme SINTONIZAH

O documentário revela o poder do reggae na transformação da cultura maranhense e suas conexões sem fronteiras com a Jamaica.

25/11 (Sexta)

Cine Praia Grande10h às 12h – Mesa Redonda: Música e rádio pública – desafios e perspectivas

Apresentação: Rogério Cavalcanti (ARPUB)

Debatedores: Arnold Filho (Rádio Universidade UFMA), Patrick Tor4 (Rádio Frei Caneca Recife-PE), Gilberto Mineiro (Rádio Universidade UFMA)

15h às 16h30 – Mesa Redonda: Cultura, moda e identidade brasileira – diversidade e afirmação

Apresentação: Manoel Mougeot (Blog Sem Qualiragem)

Debatedores: Gerson Lindoso (antropólogo), Nubia (cantora), Célia Sampaio (cantora), Tamara Marques (Designer de Moda)16h30 às 17h45 – Mesa Redonda: Jornalismo Cultural além da “grande mídia”

Debatedores: Marcelo Costa (Scream & Yell) Roberta Martinelli (TV Cultura e Rádio Eldorado) e Alexandre Mathias (Blog Trabalho Sujo/ Ecossistema da Música)

Mediador: Zema Ribeiro (Rádio Timbira AM – MA)

26/11 (Sábado)

Grand São Luís Hotel

10h às 12h – Rodada de Negócios

Com: Marcelo Damaso e Renee Chalu (Festival Se Rasgum-PA), David McLaughlin(BM&A), Mauricio Garcia( Virada Cultural SP) e Alexandre Rossi (Circo Voador RJ )

Cine Praia Grande15h às 16h30 – Mesa Redonda: A força dos festivais culturais no Brasil: Quem faz, quem financia e quem ganha

Apresentação: Marcel Arêde (Conexão Belém)

Debatedores: Alexandre Rossi (Circo Voador – RJ), Renee Chalu (Festival Serasgum)

16h30 às 17h45 – Exibição do filme Minha Boca, Minha Arma, sobre a cultura do soundsystem na Inglaterra

Apresentação: Léo Vidigal (Diretor do Filme)

[ OFICINAS ]24/11 (Quinta)

C.C. Odylo Costa Filho14h às 17h- Oficina de Caretas de Cazumbá

Com: Mestre Abel e D. Meire

Mestre Abel, um dos mais respeitados artesãos maranhenses, confecciona caretas de cazumbá desde 1959 e suas obras estão espalhadas pelo mundo. O cazumbá é personagem mítico do bumba-meu-boi do Maranhão, híbrido, misterioso e cercado de magia.

10h às 12h- Laboratório de estamparia e mediação cultural em espaços urbanos

Com: Ghuga Távora e Imaginautas

Estímulo à criação de artes intervencionistas que serão usadas como dispositivos de mediação com o público. A Rede Imaginautas potencializará a comunicação durante todo o festival, a partir da gestão colaborativa da informação e difusão nas redes sociais.Casarão RE-O-CUPA ( Rua Afonso Pena, 20 – Centro)16h às 17h45 – Oficina de Imagem e Estética – Ato Apoteótico I – A criação do ser/objeto da comoção estética

Com: Denny Azevedo e Ricardo Don (SP)

A oficina propõe a “invasão” do cotidiano com elementos extraordinário e a descontextualização do lugar comum, gerando uma reconexão entre pessoas e ambiente, despertando o eu-lúdico através de música, cores, texturas, toque, cheiros, proporcionando ao público uma transformadora e sensorial troca de experiências.

25/11 (Sexta)

C.C. Odylo Costa Filho14h às 17h- Oficina de Caretas de Cazumbá

Com: Mestre Abel e D. Meire

Mestre Abel, um dos mais respeitados artesãos maranhenses, confecciona caretas de cazumbá desde 1959 e suas obras estão espalhadas pelo mundo. O cazumbá é personagem mítico do bumba-meu-boi do Maranhão, híbrido, misterioso e cercado de magia.

10h às 12h- Laboratório de estamparia e mediação cultural em espaços urbanos

Com: Ghuga Távora e Imaginautas

Estímulo à criação de artes intervencionistas que serão usadas como dispositivos de mediação com o público. A Rede Imaginautas potencializará a comunicação durante todo o festival, a partir da gestão colaborativa da informação e difusão nas redes sociais.

16h às 17h45 – Oficina de Turbante – TURBANTAÇO

Com: Célia Sampaio

Foco na importância do resgate e da contextualização contemporânea da indumen- tária ancestral africana para a afirmação da beleza negra e da popularização e aproximação desse adorno e elemento cultural. Durante o encontro são apresenta- das várias amarrações e formas de usar os tecidos e faixas. Será realizado no hall do CC. Odylo. Quem estiver passando pode participar e sair com a cabeça feita

17h45 – Oficina de Bonecas Quitapenas Ana Duarte – Conta a Cultura do Estupro

Com: Eva Braun, Jorgeana Braga, Thais Rodrigues

Oficina voltada ao público feminino, ressignificando as tradicionais bonecas guatemaltecas num contexto feminista, discutindo o papel das mulheres na luta contra a cultura do estupro e as diversas consequências do machismo a que são submetidas. A proposta é fazer quitapenas coreiras para pendurar nas árvores do Centro Histórico, chamando atenção para a cultura do estupro.

Casarão RE-O-CUPA ( Rua Afonso Pena, 20 – Centro)17h45 – Oficina de Caixeiras do Divino

Com: D. Roxa

A oficina de Caixeiras do Divino, destinada a estudantes, pesquisadores, artistas e interessados, pretende compartilhar o conhecimento sobre toques de caixa (instrumento principal dessa celebração), cânticos, o ritual e a festa. Durante a oficina, Dona Roxa,  Caixeira Régia, repassa seus saberes através de conversas, risos e histórias, auxiliada pela também caixeira da festa, Dona Gracinha.

26/11 (Sábado)

C.C. Odylo Costa Filho10h às 12h- Laboratório de estamparia e mediação cultural em espaços urbanos

Com: Ghuga Távora e Imaginautas

Estímulo à criação de artes intervencionistas que serão usadas como dispositivos de mediação com o público. A Rede Imaginautas potencializará a comunicação durante todo o festival, a partir da gestão colaborativa da informação e difusão nas redes sociais.

14h às 17h- Oficina de Caretas de Cazumbá

Com: Mestre Abel e D. Meire

Mestre Abel, um dos mais respeitados artesãos maranhenses, confecciona caretas de cazumbá desde 1959 e suas obras estão espalhadas pelo mundo. O cazumbá é personagem mítico do bumba-meu-boi do Maranhão, híbrido, misterioso e cercado de magia.

Atrás do Teatro Alcione Nazareth18h – Oficina de Cacuriá de Dona Teté

Com: D. Roxa

A atividade é realizada em dois momentos: o primeiro na forma de aquecimento corporal, utilizando os ritmos do carimbó de caixeiras e do cacuriá; e o segundo, quando são trabalhadas as coreografias do cacuriá, dança típica do Maranhão

A socos e pontapés, polícias de Flávio Dino invadem escola e agridem estudantes

cintra_11-341001

Uma ação policial na noite desta terça-feira (22), deve ser esclarecida pelo governo do estado do Maranhão. O Blog recebeu informações de uma menor de iniciais A.C.S.M, de 17 anos, que nos informou que por volta das 20h, a Tropa de Choque da Polícia Militar adentrou nas dependências do CINTRA, com bombas de efeito moral, tiros de borracha e muitos socos e pontapés.

É sabido que o “Choque”, quando entra para resolver conflitos, ele não joga flores, a Sociedade Maranhense de Direitos Humanos, deve pedir esclarecimentos sobre a ação ocorrida ontem à noite. Na Operação comandada pelo governador do estado Maranhão, Flávio Dino, que é do Partido Comunista do Brasil – PC do B, além de policiais que recebem ordem expressas do governo, estavam também membros da militância juvenil do partido, a União da Juventude Socialista – UJS.

Na ação policial, 10 jovens foram apreendidos e 7 jovens foram presos e serão encaminhados, para a Penitenciária de Pedrinhas.

O delegado da SEIC, Thiago Bardal, afirmou que os invasores, alguns estudantes do próprio CINTRA, destruíram televisões, computadores, armários e portas da escola. Além de terem consumido a merenda escolar e pichado a escola, fazendo alusão a uma facção criminosa do estado.

Por outro lado, os estudantes negam tudo o que a Secretaria de Segurança repassou à imprensa e disse que todos os aparelhos de celulares de propriedade dos estudantes foram tomados pelos policiais. E que as pichações já estavam nos muros da escola quando eles acamparam.

De todo modo, esta ação na noite de ontem, deve ser acompanhada de perto pelo Direitos Humanos, OAB e Ministério Público. E que os culpados por atos de truculência e vandalismo sejam amplamente atingidos pela lei brasileira, seja de qual lado for, dos estudantes ou do governo Flávio Dino.

“Socorrão I infantil”presta atendimento de referência em São Luís

sao-luis-supera-meta-de-vacinacao-contra-paralisia-infantil

A secretaria municipal de saúde de São Luís, após fazer uma ampla modificação nas dependências do Hospital Municipal “Djalma Marques”, o Socorrão I, inovou com a implantação de um espaço para atender o público infantil, trata-se do Socorrão I infantil, com pós operatório, ortopedia e cirurgia pediátrica.

Um espaço com 35 leitos, salas climatizadas, brinquedoteca, Tv’s, foi totalmente reformado e adequado aos pacientes infantis. Com mais esta iniciativa, a secretária de saúde de São Luís, Helena Duailibe mostra que não vem medido esforços para a atender as grandes demandas que a população ludovicense.

A área da saúde infantil está sendo tratada com prioridade pela Prefeitura de São Luís para garantir aos pequeninos o direito ao atendimento de qualidade e oferecer às mães, a tranquilidade necessária no momento mais sublime de sua vida, que é o ato de dar à luz seus filhos. A expectativa é que, nos próximos meses, avanços ainda mais significativos possam ser sentidos com a construção da nova maternidade da Cidade Operária e a conclusão da obra no novo Hospital da Criança, na Alemanha.

“A atenção à saúde da criança, oferecida pelo município de São Luís, começa ainda na gestação, com a garantia da assistência ao pré-natal e parto. O cuidado se estende com a atenção básica, disponibilizada em 55 unidades de saúde, onde temos o programa de acompanhamento e desenvolvimento. A construção do novo Hospital da Criança e da maternidade da Cidade Operária complementam essa rede, disponibilizando serviços e atendimentos mais especializados”, disse a secretária, Helena Duailibe.

Prefeitura de Turiaçú é modelo em gestão e transparência

turiacu

A prefeitura municipal de Turiaçú tem implementado políticas de controle e austeridade fiscal, prova maior disso é que já implantou seu portal da transparência. O primeiro passo foi dado por um grupo técnico de trabalho para a reformulação da ferramenta. Entre tantas propostas de controle dos gastos públicos está a unificação de dados orçamentários, financeiros e de gestão num mesmo endereço eletrônico.

O objetivo maior é atender diretamente as demandas dos cidadãos, assim como aproximar o Poder Executivo Municipal de Turiaçu com o seus munícipes e cumprindo a Lei de Acesso à Informação.

Desta forma, qualquer cidadão poderá ficar informado dos gastos, sugerir, denunciar alguma irregularidade, tirar dúvidas ou consultar processos administrativos por meio do acompanhamento através de protocolo (código da solicitação) desde o envio da mensagem até a resposta pelo órgão ou entidade pelo qual está sendo solicitado.

O prefeito reeleito e aprovado pela população de Turiaçu entende que estas medidas servirão de controle para toda a sociedade, uma vez que, vem tratando a administração da cidade com muito zelo, mesmo em meio a crise financeira que assola todos 5.579 municípios brasileiros.

Em tempo: O nível de transparência de estados e municípios brasileiros aumentou cerca de 30% em seis meses. No Maranhão, dos 217 municípios, apenas 80 tem portal.