Blog do Filipe Mota - Notícias de última hora

Sabatina O Estado: “Estória” de Eliziane Gama gera direito de resposta a Edivaldo

edivaldo_eliziane-768x768

A “estória” contada pela da deputada federal Eliziane Gama, candidata do PPS, à suposta falta de transparência da Prefeitura de São Luís, gerou o primeiro direito de resposta da disputa eleitoral na capital. Durante sua participação na Sabatina O Estado, a popular socialista disse que “São Luís é a segunda capital menos transparente do Brasil”.

Entretanto, dados dos dois principais rankings de transparência das capitais brasileiras – da CGU e do MPF – apontam que a deputada está errada.

Por conta disso, a assessoria jurídica do prefeito Edivaldo Holanda Júnior, candidato à reeleição pelo PDT, entrou com pedido administrativo de direito de resposta e conseguiu.

A resposta do pedetista será lida antes do início da entrevista de hoje (11), quando será sabatinado o candidato do PPL, médico Zeluís Lago.

Com informações do Blog de Gilberto Léda

Disque-Denúncia não paga salários há três meses, denunciam funcionários

Eles afirmam, ainda, que estão sendo coagidos a não expor a situação, caso contrário correm o risco de demissão; atendimento está comprometido

disque_denuncia_1

Funcionários do Disque-Denúncia, em São Luís, afirmam que estão há três meses sem receber salários. A denúncia foi feita por um dos funcionários do serviço, que preferiu não ter a identidade revelada, com medo de represálias. Segundo a denúncia do empregado, aqueles que estão externando o problema estão sendo fortemente repreendidos pela direção, e uma dessas represálias é a demissão.

COMPROMETIMENTO

Há três meses sem receber os salários, os funcionários do Disque-Denúncia sentem-se desmotivados a exercer suas atribuições. Como consequência, eles faltam aos postos de trabalho, comprometendo o atendimento das denúncias feitas pela sociedade, uma vez que por meio das informações repassadas ao serviço, os órgãos de segurança pública do Estado podem traçar as suas estratégias para combater a criminalidade na capital maranhense.

Ainda de acordo com o funcionário, desde o momento em que a Polícia Civil assumiu a coordenação do serviço, os problemas se intensificaram. “Os funcionários estão há três meses com salários atrasados. Desde que a Polícia Civil assumiu o órgão, eles nunca estiveram com os vencimentos em dia e foram todos enquadrados em um salário mínimo, independentemente da hierarquia ou função”, disse.

Atualmente, a empresa à qual os funcionários do Disque-Denúncia são vinculados é a Supritech, mas os empregados não sabem a quem recorrer para tratar do atraso salarial. “Tanto a SSP [Secretaria Estadual de Segurança Pública], quanto a Supritech fazem um jogo de empurra-empurra, jogando a culpa um no outro”, destacou.

Com o passar do tempo, houve ainda uma redução no quadro de funcionário, passando de 38 para os atuais 19, que são atendentes de telemarketing. Todas as coordenações foram entregues para a Polícia Civil e, dessa forma, as denúncias feitas contra os policiais não são investigadas.

CIOPS

Funcionários do Centro Integrado de Operações de Segurança (Ciops) também vivem drama semelhante. O atraso no pagamento dos seus salários acontece constantemente e por diversas vezes foi denunciado. Merly Soares é ex-funcionária do centro e contou que pediu demissão por causa dos atrasos salariais. “Não recebi nem o mês de junho e apenas e metade de julho. Eu estava adoecendo ali. Já estou na Justiça para receber os meus direitos”, afirmou.

Agora: Latrocínio no Cohatrac IV.

image

NA PRAÇA DO COHATRAC IV, PONTO FINAL DOS ÔNIBUS, A VITIMA SE ENCONTRAVA NA PRAÇA, EM COMPANHIA DE UM AMIGO, QUANDO FORAM ABORDADOS PELO O  AUTOR, (MORENO 1,70M, MAGRO, CAMISA ESCURA LISTRADA DE ALGODÃO, BERMUDÃO ABAIXO DO JOELHO TAC TEL VERDE ESCURO), QUE COM UM REVOLVER, A PÉ, ANUNCIOU O ROUBO, EXIGINDO DAS VITIMAS, A MOTO E CAPACETE E CELULAR DA QUE VEIO A ÓBITO, A PRIMEIRA ENTREGOU CHAVE E CAPACETE, QUE O PERPETRADOR AINDA TENTOU LIGAR A MOTO MAS NÃO CONSEGUIU, E NO ATO DE ENTREGAR DO CELULAR A VITIMA FICOU SEGURANDO, LEVANDO O AUTOR A EFETUAR DOIS DISPAROS EM DESFAVOR DA VITIMA.

ACIONADO A EQUIPE ALBATROZ E SAMU NOTIFICADO REDE RÁDIO, QUE NO LOCAL ATESTOU O ÓBITO DA VITIMA.

VITIMA ÓBITO : LUIS MARIO COSTA FERREIRA, 29 ANOS.

Imperdível!!! Genesis 30 anos apresenta a festa “Disco 80”

O que você acha de fazer uma viagem na melhor década de todos os tempos? Reunir os amigos em uma noite inesquecível!?

disco80

Venha dançar os hits que marcaram as noites da Boate Gênesis, com os Djs que marcaram toda essa geração!

No comando: Salim Lauande, Álvaro Carneiro, Arsênio Filho, Ricardo Pacífico, Paulinho Duarte, Pirulito e Walter Jr.

QUANDO??? Sexta-feira, dia 19 de agosto

ONDE??? Boate Katedral, em frente o Iate clube na península.

HORAS??? 22

Ingressos limitados na: Lacoste Holandeses, Bilheteria Digital, Visótica Tropical, 100% Vídeo Cohama R$ 40,00 Primeiro Lote (valor único).

João Marcelo Produções.

Informações: (98) 99113 1101/3015 3017

 

Tchau TCE’s!!! STF decide que só vereadores podem tornar prefeitos inelegíveis

Com decisão, não bastará a desaprovação das contas pelos tribunais. Para STF, papel de tribunais de contas é auxiliar o Legislativo

stf

O Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu nesta quarta-feira (10), que apenas uma câmara de vereadores pode tornar inelegível um prefeito que teve suas contas rejeitadas por um tribunal de contas. Deste modo, para ficar impedido de disputar um outro cargo eletivo, a desaprovação pelos tribunais não valem absolutamente nada.

Em 2010, a Lei da Ficha Limpa determinou que ficariam inelegíveis candidatos que tiveram contas rejeitadas “pelo órgão competente”. A dúvida se dava em relação a qual órgão caberia tal decisão: se somente a câmara municipal ou também um tribunal de contas.

Desde então, o entendimento do Tribunal Superior Eleitoral – TSE separa as contas em dois tipos: as contas de governo (com números globais de receitas e despesas) e as contas de gestão (mais detalhadas, em que o prefeito também ordena gastos específicos, por exemplo).

Na sessão desta quarta, os ministros do STF analisaram ações de candidatos que ficaram fora de uma disputa por terem contas rejeitadas somente por tribunais de contas e que queriam se habilitar para as eleições, alegando a necessidade de decisão pela câmara dos vereadores, como foi o caso do ex-prefeito e candidato a deputado federal Deoclides Macedo (PDT), que por meio desta decisão voltará a assumir o mandato na Câmara Federal.

Por maioria, os ministros decidiram que, independentemente de se tratarem de contas de gestão ou de governo, é necessário sempre a desaprovação das contas pelas câmaras de vereadores para tornar alguém inelegível.

A aprovação das contas pelas câmaras, no entanto, não deverá inviabilizar eventuais ações de improbidade administrativa contra o prefeito na Justiça comum, caso haja irregularidades.

Sem mandar um vintém para São Luís, Eliziane diz que a capital perdeu mais 1 bilhão em recursos

Candidata do PPS diz que a falta de projetos da gestão Holandinha fez o município perder recursos para o VLT, para o corredor de transportes e também nos setores de Educação

Eliziane Gama

A deputada federal Eliziane Gama (PPS), relacionou nesta quarta-feira, (10), uma série de recursos – totalizando R$ 1 bilhão – que o município perdeu por falta de projetos na gestão de Edivaldo Júnior (PDT).

“O VLT está guardado por que ele perdeu o projeto. Foram R$ 480 milhões que foram perdidos porque faltou o estudo de viabilidade técnica, que custava apenas R$ 200 mil e ele não fez. Outros R$ 400 milhões para o corredor de transportes também foram perdidos por falta de projetos da prefeitura” – disse a parlamentar, durante a Sabatina de O Estado Maranhão.

Eliziane Gama cita ainda recursos perdidos para construção das 25 creches, prometidas pro Edivaldo na campanha de 2012 e outras 10 escolas de tempo integral.

“Não existe nenhuma escola de tempo integral em São Luís por que os recursos tiveram que ser devolvidos” disse a candidata.

Eliziane garantiu que vai em busca desses recursos por que já tem projeto técnico montado para administrar São Luís.

“O corredor do Transportes teve até o custo baixado, por causa da construção da Via Expressa, pela governadora Roseana. E vamos aproveitar esse traçado, para melhorar o fluxo no trânsito, desafogando a Jerônimo de Albuquerque, a São Luís Rei de França e a Daniel de La Touche” destacou.

O Blog solicita à deputada Eliziane Gama, que envie os dados das suas emendas parlamentares e da emenda de bancada articulada por ela para ajudar o povo de São Luís. Entendemos que independente de quem esteja no comando do município, a emenda articula pelo deputado ou deputada, beneficia o povo ludovicense.

Estamos no aguardo e publicaremos na íntegra o montante enviado por ela, para contribuir com o desenvolvimento da cidade.

Atenção TRE!!! Edivaldo e Júlio Pinheiro estão fazendo campanha antecipada

Júlio Pinheiro e Edivaldo Holanda Júnior

O ainda prefeito de São Luís, Edivaldo Holanda Júnior (PDT) e seu candidato a vice, Júlio Pinheiro (PC do B), estão fazendo campanha aberta nos bairros e comunidades de São Luís, com estruturas de ônibus, carros adesivados e até motocicletas, cabos eleitorais da coligação de Edivaldo estão levando lideranças e eleitores para os comícios. No material divulgado nas redes sociais, os “pré-candidatos” se intitulam como “CANDIDATOS A PREFEITO E VICE” .

Nas eleições deste ano, os políticos poderão se apresentar como pré-candidatos sem que isso configure propaganda eleitoral antecipada, mas, desde que não haja pedido explícito de voto. A nova regra está prevista na Reforma Eleitoral 2015, que também permite que os pré-candidatos divulguem posições pessoais sobre questões políticas e possam ter suas qualidades exaltadas, inclusive em redes sociais ou em eventos com cobertura da imprensa.

Os candidatos estão usando um artifício de “plenária” para arregimentarem eleitores e o fato de estarem utilizando veículos para o translado dos mesmos caracteriza crime eleitoral.

Lei do vereador Ivaldo Rodrigues foi promulgada em 2011, pela Câmara de São Luís

LEI IVALDO RODRIGUES

Lei Promulgada N° 238 de 14 de dezembro de 2011

O PRESIDENTE DA CÂMARA MUNICIPAL DE SÃO LUÍS, CAPITAL DO ESTADO DO MARANHÃO, promulga nos termos do Artigo 70, parágrafo 7° da Lei Orgânica do Município de São Luís, a seguinte Lei resultante do Projeto de Lei n° 010/2009, aprovado pela Câmara Municipal de São Luís,

EMENTA: Dispõe sobre a criação do “Cartão Criança” no transporte coletivo do Município de São Luis e dá outras – providências.

Art. 1° Fica autorizado o Executivo a instituir o “Cartão Criança” no transporte coletivo municipal de São Luís.

Art. 2º O “Cartão Criança” deverá ser fornecido sem custos às crianças que gozam da gratuidade no transporte coletivo da cidade, assegurada pela Lei Municipal n° 4.328/2004.

Art. 3º O “Cartão Criança” deverá ser diferenciado visualmente dos demais cartões usados no sistema, como medida inibidora de uso indevido.

Art. 4° Esta Lei entrará em vigor na data de sua publicação.

Art. 5º Revogam-se as disposições em contrário.

PLENÁRIO “SIMÃO ESTÁCIO DA SILVEIRA” DO PALÁCIO “PEDRO NEIVA DE SANTANA”, em São Luís (MA), 16 de agosto de 2011.

 Vereador Ivaldo Rodrigues

A lei promulgada pela Câmara Municipal de São Luís, que instituiu o Cartão Criança, durou exatos 5 (cinco) anos para efetivamente sair do papel, difícil de entender é como leis importantes e de relevância social iguais a estas se amontoam passos lentos das administrações municipais.

Serão beneficiadas  as crianças menores de 7 anos. Hoje já lhes é garantida por lei a passagem gratuita no transporte coletivo, mas, para terem acesso aos ônibus, precisam pular ou passar por baixo das catracas. A intenção do projeto foi facilitar a passagem dos meninos e meninas.