Blog do Filipe Mota - Notícias de última hora

Decisão de juiz prejudica 700 mil usuários de coletivos em São Luís

IMG_7753-e1467642154685
O juiz José Brígido Lages, titular da 7ª Vara da Fazenda Pública, respondendo pelo Plantão Judicial, concedeu no ultimo sábado (2), uma LIMINAR ao Consórcio Nova Ilha, determinando a inclusão de sua proposta na disputa do processo de licitação que vinha sendo concluído.
A decisão do juiz  prejudica cerca de 700 mil usuários que utilizam o sistema de coletivo da região metropolitana, o comissão de licitação resolveu interromper a audiência, que estava marcada para ontem (4), e deixaram o local.
DECISÃO MONOCRÁTICA 
No seu despacho, o juiz José Brígido Lages acatou os argumentos interpostos pelo Consórcio Nova Ilha, de que a sua garantia de proposta apresentada é válida – exatamente como a própria CPL já havia admitido anteriormente. Ao decidir sobre o recurso, o magistrado considerou “grave erronia” a desclassificação da recorrente e mandou que a CPL garanta a participação do Nova Ilha no certame, anulando todos os atos posteriores a sua retirada do processo.
CONSORCIO NOVA ILHA
O consórcio Nova Ilha, composto pelas empresas Cisne Branco, Menino Jesus de Praga uma empresa subsidiária da Edeconsil Construções e Locações, dos empresário e irmãos Fernando Leitão Cavalcante, o Fernandão, e José Thomas Cavalcante Filho.
Resta agora, a prefeitura municipal de São Luís recorrer da decisão do magistrado e dar pleno andamento a licitação do transporte de passageiros, para atender o anseio da população.

Irmão de goleiro indica onde estariam restos mortais de Eliza Samudio

Informação foi confirmada nesta segunda-feira pela Polícia Civil do Piauí

Goleiro Bruno

O irmão do goleiro Bruno Fernandes prestou depoimento à Polícia Civil do Piauí e apontou onde estariam os restos mortais de Eliza Samudio. Rodrigo Fernandes das Dores de Sousa, de 27 anos, falou por meio de carta precatória pelo delegado Elídio Duarte, chefe da Delegacia de Polícia Interestadual do Piauí. As informações foram confirmadas pelo UOL, nesta segunda-feira (4).
De acordo com o depoimento do irmão do ex-atleta do Flamengo, os restos mortais de Eliza Samudio estariam em uma cidade do interior de Minas Gerais. A data do depoimento em questão não foi confirmada e a polícia não quis dar detalhes do local onde estariam os restos mortais da vítima. O documento será encaminhado para averiguação.
“Foi um depoimento solicitado pela polícia do Rio em que pegamos alguns fatos da investigação do desaparecimento da Eliza”, disse ao UOL o delegado-geral da Polícia Civil, Ridel Batista, ressaltando que não poderia passar mais detalhes sobre o caso.

Escândalo na Assembleia Legislativa vai alem de servidores fantasmas

ALMA
O Blog recebeu informação que o esquema de funcionários fantasmas na Assembleia Legislativa do Maranhão e apenas a ponta do iceberg.
Um leitor do Blog relatou ainda, que deputados estaduais ficam com o 13º salário de alguns servidores e os vencimentos acima de R$ 3.000,00 são divididos e repassados em espécie para os parlamentares. O “funcionário” e impedido de fazer transferência do valor sob pena de ser demitido e para não deixar rastros.
Há casos em que pessoas emprestam o nome para receber os vencimentos na assembleia e não ficam com o cartão bancário, o saque e efetuado e o titular recebe apenas 10% do valor de seu vencimento.
Outro esquema vicioso, escandaloso e praticado na assembleia do Maranhão são diárias pagas a servidores que não ultrapassam nem a ponte do estreito dos mosquitos, recebem e repassam o dinheiro para o deputado.
Recebemos a relação com os nomes de mais de 2.000 servidores da Assembleia e estamos separando por gabinete, e, ainda hoje colocaremos matéria com imagens de pessoas que nunca pisaram naquela casa legislativa.

Vídeo comprova envolvimento de Waldir Maranhão em esquema criminoso

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Marco Aurélio Mello ordenou a quebra do sigilo bancário do presidente interino da Câmara, Waldir Maranhão (PP-MA). A decisão foi após a Procuradoria-Geral da República apontar, em petição, “fortes indícios” de envolvimento do parlamentar em fraudes com institutos de previdência de servidores públicos.
Segundo a Folha de S. Paulo, a decisão, tomada no dia 27, está vinculada a declarações em delação premiada de um colaborador, que tramita em segredo no STF. O acordo de delação foi encaminhado em novembro de 2013 pelo TRF (Tribunal Regional Federal) da 1ª Região e homologado por Marco Aurélio em março de 2014.
Há suspeitas claras de que Maranhão, “mediante recebimento de vantagem indevida, teria atuado em diversas prefeituras em favor de esquema fraudulento de investimento nos regimes de Previdência” de prefeituras.
O nome de Maranhão surgiu na investigação a partir da interceptação de telefonemas de Fayed. Em um dos diálogos, o parlamentar aparece como alguém que apresentaria o doleiro a agentes públicos que poderiam fazer negócios de interesse do grupo. Em gravação, o doleiro diz que ele e Maranhão poderiam “fazer um negócio bom”.
Em maio passado, a revista “Veja” afirmou que um delator teria dito que Maranhão recebeu dinheiro por ter intermediado uma compra de títulos do fundo previdenciário dos municípios de Santa Inês, Barreirinhas e Santa Luzia (MA).

Luciene Hoepers

Veja o vídeo em que a operadora do esquema, Luciene Hoepers, coloca Waldir Maranhão como beneficiário direto do esquema de corrupção da Operação Miqueias.

Tragedia: 8 morrem em acidente em campo de Perizes

Um acidente grave envolvendo uma caçamba e um veículo de passeio registrado por volta das 9h da manhã deste domingo (3), no km 36 da BR-135, em Campo de Perizes, deixou oito pessoas mortas

BR 135

Um carro de passeio seguia com destina à capital quando uma caçamba que transportava lixo e que vinha no sentido contrário entrou na contramão causando o acidente. A caçamba tombou às margens da rodovia e o veículo de passeio ficou totalmente destruído.

A Polícia Rodoviária Federal, confirmou que todos os 8 (oito) passageiros de um Corsa Classic, de placas OJI-5012, não resistiram.

Segundo familiares, os ocupantes do veículo vinham do município Humberto de Campos para São Luís para realizar exames médicos.
O motorista do caminhão fugiu do local. A PRF também não confirma a procedência da caçamba que transportava lixo.

TSE veta “vaquinhas” em campanha eleitoral

O Tribunal Superior Eleitoral, em decisão tomada hoje (1), deu um ‘chega pra lá’ na farra petista de pedir doações por meio de crowndfunding

TSE-1900x900_c
A ministra Maria Thereza de Assis Moura, que relatou o tema, tomou a decisão pautada na lei eleitoral, entendendo que as ‘vaquinhas’ para campanha eleitoral violam a transparência, pois podem ser feitas sem declaração. Isso, embora a ministra não o tenha dito, é uma forma de barrar também o que era provavelmente uma enorme fraude, visto que é ano eleitoral e que o PT mais precisa é se fortalecer diante da imensa crise política na qual se enfiou. Essas doações, em maioria anônimas, certamente iriam parar nos caixas do partido, talvez até para pagar o advogado de Dilma.
Foi com base nessa suspeita que os deputados Molon (REDE) e Daniel Coelho (PSDB) consultaram o TSE, o que fez com que o Tribunal bloqueasse esse tipo de doação, permitindo apenas aquelas que são declaradas através do site do candidato ou do partido.
É necessário entender que o problema aqui não são as doações voluntárias, mas a ilegalidade que permite lavagem de dinheiro sujo, que é provavelmente o real interesse de certos políticos poderosos, sempre com muito a esconder. Com esse tipo de recurso, o político pode simplesmente tirar o dinheiro que ele desviou de algum lugar e depositar anonimamente em sua campanha, fazendo a verba voltar para ele.

Associação Comercial de Santa Inês solicita implantação de grupamento de bombeiros militar

O Presidente da Associação Comercial de Santa Inês,  Fernando Antonio Vicente dos Santos, encaminhou ofício dirigido ao governador Flávio Dino, com exposição e solicitação de providências atinentes à implantação do Grupamento de Bombeiros Militar em Santa Inês.
No dia 20 do mês passado, comerciantes sofreram grandes prejuízos, agravados ainda pela falta de um grupamento de bombeiros militar na cidade, moradores da cidade em ato de solidariedade, se revezaram com baldes d’água e mangueiras para tentar conter um incêndio.
CB SI
CB SI 2